ALE GARATTONI

Mãe da Maria Helena, profissional de branding e apaixonada por moda e beleza! Meu blog é o espaço "hora do recreio" no qual divido dicas, inspirações, apostas no universo das it girls e minha vida primeira pessoa na maternidade.

Amélias Online

Para os cariocas: pães e bolos amigos da nossa saúde!

22 de abril de 2015

A história inspira! Simone Barbieri já era formada em gastronomia, mas nunca tinha trabalhado exatamente com a mão na massa até que… dois sérios problemas de saúde dentro de sua casa a levaram para uma pesquisa sobre alimentação saudável – saudável não no sentido de modismos ou contagem de calorias, mas de efeito curativo mesmo. Foi assim que juntou as técnicas aprendidas na faculdade a suas buscas pessoais para criar produtos 100% livres de glúten e lactose, baseados sobretudo em ingredientes orgânicos.

No começo, ela fazia só para si e sua família, mas, com o tempo – e os pedidos e incentivos de quem provava –, a paixão interna virou uma marca de verdade. Foi assim que, no ano passado, nasceu a Culinária Crunch, com uma proposta de oferecer alimentos que deixam o corpo em equilíbrio hormonal e livre de alergias {vale dizer que a história é mais bacana ainda porque ela conseguiu controlar os dois problemas citados no começo do texto seguindo o método Crunch, filosofia de Peter Picolin que é a base de todas as suas receitas}.

Observação pessoal: a Simone é cunhada da minha prima-quase-irmã, então posso dizer que acompanhei relativamente de perto sua história. Na última semana, ela estava em São Paulo e veio em casa mostrar pessoalmente seus pães. Vou resumir em uma frase: até meu marido, que consegue ser alimentarmente mais junkie do que eu, só quer comer os pães da Crunch. Porque eles são ultra-saudáveis, sim, mas são gostosos! E mais leves, fato.

Culinária Crunch

Enquanto eu elegi a focaccia de alecrim (foto acima), o Rodrigo ficou com os mini-pães de hambúrguer. E não vejo a hora de ir pro Rio provar também os bolos de laranja e coco. Recomendo! Em tempo: por enquanto, as vendas são feitas sob encomenda pelo telefone/Whatsapp (21) 97982-1718 {a retirada é no Humaitá}. Para mais informações, cardápio e outros detalhes, o e-mail é culinariacrunch@gmail.com.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Leituras de abril: beleza, acessórios, saúde

21 de abril de 2015

Já está virando rotina o post que reúne dicas e lançamentos aleatórios que pesquei enquanto lia/folheava as 100 mil revistas mensais que eu costumo ver. Nesta edição, o mix inclui produtos gringos de beleza, um livro para a turma saudável e uma bolsa que faz bater mais forte o coração das bagaholics

O LIVRO DA LAPINHA
Todo mundo que eu conheço que já foi ao Spa Lapinha, no sul do Brasil, ama e adere com força ao seu estilo alimentar saudável. Os comentários dão conta de que, mesmo com calorias reduzidas, não se passa fome e todas as refeições são lindas e gostosas. Pois agora algumas receitas estão publicamente compartilhadas no Não Contém Glúten Nem Lactose – além do passo a passo de 60 pratos, há uma parte teórica explicando as vantagens de excluir estes ingredientes do cardápio e imagens belas que ilustram e estimulam.

livro Lapinha

O CC CREAM DEMOCRÁTICO
Já falei várias vezes aqui no blog que o CC Cream da AmorePacific é o item de maquiagem que mais amei nos últimos tempos – cobertura na medida para o dia a dia, com aparência de pele bem tratada. O único defeito dele era a rede reduzidíssima de distribuição da marca coreana, com poucos pontos de venda mesmo nos Estados Unidos. Pois bem, de olho na bem-sucedida fórmula, a Lancôme acaba de lançar lá fora sua versão mais comercial {que, à primeira vista, levando em conta embalagem e descrição, parece ser bem similar ao que a inspirou}. O Miracle Cushion Lancôme parece ser a resposta mainstream para o CC Cream AmorePacific e, melhor ainda, tem previsão de chegada ao Brasil no segundo semestre.

Miracle Cushion Lancôme

A BOLSA QUEBRA-CABEÇA
Naquela linha de bolsas menos óbvias, é chique e atemporal – além de linda – a versão coral da Puzzle Bag da coleção 2015 da Loewe. Para investir!

puzzle bag Loewe

OLHO TUDO EM UM SÓ PRODUTO
A promessa de ser uma espécie de híbrido de sombra e delineador em um mesmo produto: essa é a proposta do Infallible Smokissime Powder Eye Liner, recém-lançado nos Estados Unidos pela L’Oréal. Para as fãs do Smokey Eye, é uma bela pedida! Não entrega no Brasil, mas, para quem tiver viagem marcada, ele está à venda na Amazon e nas melhores farmácias gringas.

Infallible Smokissime

CREMINHOS FOFOS
Uma graça a edição limitada do famoso creme para as mãos da L’Occitane – hit de nove entre dez nécessaires –, que reúne em uma bolsinha quatro versões com os mais icônicos ingredientes da marca francesa. Tudo devidamente ilustrado por Soledad Bravi, da Elle francesa. Para colecionadoras de beauté! À venda aqui no site oficial por R$ 80.

Kit L'Occitane

Para ler ouvindo: a versão remix da música Thinking Out Loud, tema das chamadas da próxima novela das sete da Globo, não sai do meu repeat!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

MH a Bordo

Meus dez restaurantes favoritos em SP

10 de março de 2015

Um lugar para comer bem, assim costuma ser descrita a cidade de São Paulo. Eu não sou expert em gastronomia, não sou gourmet, não tenho sequer paladar adulto, mas, ainda assim, compartilho os lugares que amo escolher para almoçar ou jantar por aqui – sou do tipo que repete os mesmos lugares, os mesmos pratos e esta mesma frase (se você é leitor das antigas, certamente já leu por aqui que sou meio novofóbica!). Eis o top 10 que está nos meus planos mais óbvios e imediatos…
{em todos estes, crianças são bem-vindas – especialmente em almoço ou jantar cedo!}

restaurantes em São Paulo

Ritz: uma das escolhas mais famosas, óbvias e comuns – mas nunca uma escolha-tédio, que fique claro! É meu vício desde bem antes de eu vir morar em São Paulo, quando já saía do aeroporto direto para os bolinhos de arroz e para o penne mediterrâneo. O hambúrguer também vale cada caloria {e taí alguém que entende de hambúrgueres falando!}.

Mani: fiz um intensivão na gravidez, por conta de sua localização super próxima ao consultória da minha obstetra. Tem comida saudável e com ingredientes naturais que consegue agradar até a paladares infantis como o meu. O polvilho de entrada e o talharim de pupunha são para comer rezando.

Nakka: fico com vergonha de postar as fotos deste japa-desejo-eterno na minha vida – só na semanda passada encarei dois dias seguidos, não dá pra enjoar nunca do sushi de barriga de salmão com lascas de limão siciliano. E não, eu não sou patrocinada por eles {infelizmente!}. 😛

Japengo: o fast-food japonês do shopping Iguatemi é o lugar ideal para comer quando estou com pressa e/ou sozinha passeando por lá. O mix de esteira e balcão é o combo perfeito para as duas situações. Escolho os mais básicos.

Fogo de Chão: quando eu ainda era carioca, tinha bem mais o hábito de churrascaria – que, pra mim, precisa ser assim em esquema de rodízio! Esta é minha rede favorita em São Paulo. Do pão de queijo à picanha, tudo é excelente.

Tappo: um italianinho despretensioso nos Jardins que tem massas excelentes e ambiente gostoso para um jantar mais tarde.

Chez Mis: outro que me remete à minha gravidez – e passa a ter peso dois, contando com o quê sentimental da coisa. Não sei se tive exatamente desejo de grávida, mas se tive ele foi o nhoque deste restaurante, que eu comia compulsivamente!

Le Vin: amo o ambiente, amo os pães do couvert, amo o steak tartar com batatas-fritas! Tem filiais nos Jardins e no Itaim e está até nas indicações de lugares paulistanos no meu livro ItGirls (sim, paixão antiga!).

Camelo: nunca pisei neste restaurante antigo, simples e tradicional do Itaim, mas o strogonoff de lá é parte do meu top 3 de deliveries desde que me mudei para São Paulo em 2006.

Le Manjue: desta lista, o mais recente! Outro que faz uma linha mais natureba (é de lá o prato que ilustra o post), sem ser radical demais. O mais bacana é que o cardápio indica o que tem – ou não – glúten e outros ingredientes, facilitando a vida de alérgicos e intolerantes.

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…