ALE GARATTONI

Mãe da Maria Helena, profissional de branding e apaixonada por moda e beleza! Meu blog é o espaço "hora do recreio" no qual divido dicas, inspirações, apostas no universo das it girls e minha vida primeira pessoa na maternidade.

Lifestyle

O novo Vogue.com (& novas voguettes)

7 de julho de 2014

O mundo das voguettes (& teen voguettes) tem crescido nos últimos meses. Algumas das novas contratações se devem ao novo Vogue.com – sim, o site oficial da revista, que tem a mesma cara desde 2010, vai passar por uma grande reformulação. O projeto já é desevolvido desde o começo do ano, mas a estreia oficial é em setembro, durante a semana de moda de Nova York. Entre os novos nomes trazidos de dentro e de fora da empresa para tocar a mudança, Alessandra Codinha, que até então era o braço direito de Emily Weiss no blog de beauté IntoTheGloss. Segundo o WWD, Anna Wintour quer um time de vinte pessoas exclusivas para o site.

Alessandra Codinha e Marina Larroude

A versão jovem da publicação também passa por reformulações e danças das cadeiras: a brasileira Marina Larroude, por anos e anos o nome à frente do Style.com, assume nesta segunda-feira (7.07) o posto de diretora de moda da Teen Vogue. Vale dizer que ela não será a única “falando português” por lá. Gisella Lemos de Moraes (vídeo abaixo, aperte o play!), outra brasileira que já está há tempos em Nova York, é, desde 2012, editora de acessórios da revista.

Brasileiras em postos cobiçadíssimos de revistas internacionais, isso não te inspira neste comecinho de semana?!

p.s. quer saber melhor sobre os cargos e funções de uma revista de moda?!

imagens: Vogue.com

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Emprego dos Sonhos

Na TV: nova série para quem ama moda & negócios

23 de junho de 2014

Para quem andava curioso a respeito do paradeiro de Maria Prata depois de sua saída da direção da Harper’s Bazaar Brasil, a resposta veio nos últimos dias no instagram: a jornalista, uma das melhores profissionais de sua geração, vai comandar o programa Moda S/A na GloboNews. A estreia acontece no próximo dia 14 e o tema, como sugere o nome, gira em torno do lado business da moda.

Já estou na contagem regressiva. Sou, há tempos, mega fã da Maria – e também mega grata, pois tive a chance de ser sua assistente* durante uma temporada de Fashion Rio há mais de seis anos, quando ela ainda era editora de moda na Vogue (essa experiência e o aval de Maria me garantiram a oportunidade de entrar para o time de colaboradores fixos da revista na época, assinando por quase um ano duas das minhas seções favoritas). Além de talentosa e perfeccionista, ela é generosa e humana, ou seja, certamente vai emplacar mais um sucesso, agora nas telinhas!

{obs. primeira pessoa para quem não enxerga o lado B de um blog: Maria conheceu mais de perto meu trabalho, na época, por conta do então recém-inaugurado ItGirls.com.br. Foi por conta dessa função-vitrine de blogar que ela me contratou para o job temporário que me rendeu um dos meus grandes sonhos profissionais na sequência. Ou seja, bloguem, sempre, com dedicação e cuidado. Fama e fortuna são raros, mas a questão do portfólio está disponível para todos!}

Maria Prata Moda S/A

imagem: instagram revista Glamour

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Emprego dos Sonhos

Que moda, que nada! Alexandra Chemla e o poder das moças das artes

18 de junho de 2014

O desejo supremo de ser editora de moda (ou blogueira bem-sucedida!) pode estar com os dias contados no inconsciente coletivo das moças. Uma matéria de jornal aqui, um perfil de revista acolá e a turma das artes começa a despontar na frente na preferência universal. As chamadas gallerinasmeninas inteligentes e estilosas que atendem clientes em galerias de arte – estão, mais do que nunca, no radar de comportamento.

Alexandra Chemla

Um nome para ficar de olho? Alexandra Chemla. Depois de trabalhar como gallerina na Gavin Brown Enterprise, ela uniu seus conhecimentos de arte ao poder do empreendedorismo e à importância da tecnologia e inovou: o ArtBinder, aplicativo de iPad criado por ela, permite que as galerias reúnam suas obras para visualização de colecionadores e, ao mesmo tempo, mantenham seus inventários atualizados. A ideia, segundo ela contou para o The New York Times, veio de uma necessidade percebida em seus tempos de assistente.

Lançado em 2011 durante a Art Basel, o ArtBinder ganha agora o Viewer, uma extensão de aplicativo que vai permitir que o público em geral navegue pelos acervos das galerias. A empresária novaiorquina já coleciona elogios e, segundo a mídia especializada, revolucionou o mercado de arte. Nada mau para quem tem apenas 27 anos…

Alexandra Chemla

CINCO DICAS ÚTEIS DE EMPREENDEDORISMO (& ESTILO) DE ALEXANDRA
* A melhor maneira de criar um bom produto é fazer algo que você gostaria de usar – em outras palavras, crie aquilo que atende a uma necessidade pessoal antes de tudo!
* A habilidade de aprender com os erros – e nunca cometer o mesmo duas vezes – é vital para o sucesso
* Procure profissionais que te complementam entre seus amigos e conhecidos – foi dessa forma que Alexandra encontrou o responsável pela área de tecnologia do aplicativo
* Dica para iniciantes: foque naquilo que faz seus olhos brilharem, naquilo que você acredita acima de tudo. É preciso ter paixão! {e tente não focar no sucesso como objetivo final; se você fizer bem feito, o sucesso virá naturalmente}
* Guia de sobrevivência em feiras de arte: “Não use saltos!”

Alexandra Chemla

Imagens e fontes: The New York Times, Refinery29 E Harper’s Bazaar USA

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…