ALE GARATTONI

Carioca em SP, leonina, mãe da MH. Este blog é o meu hobby-recreio e aqui você vai ler posts que agradam aos olhos, à mente, à energia. Com beleza, suspiros e leveza! Cuide de sua alma e inspire-se, para ser & fazer melhor.

Lifestyle

Vida de voguette: a editora de joias Grace Fuller

26 de agosto de 2015

Lááááá atrás, na década passada (!!!), o ItGirls sempre trazia nomes menos óbvios dos expedientes das revistas e dos quadros de funcionários de empresas fashionistas. Meu interesse por essas personagens começou antes de algumas delas se tornarem musas de street style e afins: era curiosidade mesmo, herança da época em que eu decorava os nomes das editoras das minhas publicações favoritas ainda na pré-adolescência. Na semana passada, fiz esse post sobre a voguette francesa Jennifer Neyt e gostei de matar a saudade desse formato. Algumas pessoas também me falaram que eu devia fazer mais vezes. E aí eu me empolguei, oras…

Grace Fuller

Grace Fuller tem uma carreira de destaque no time da Vogue americana. Até o ano passado, era assistente de moda, mas logo começou a chamar a atenção (olá, Miranda Priestley!) e, em maio de 2014, veio a promoção: escalada para a equipe de acessórios, Grace é hoje editora de joias da revista.

Curiosidade: a transição na carreira também foi marcada por uma mudança no visual. O diretor digital criativo da Vogue sugeriu que a voguette se inspirasse em Grace Kelly e aderisse ao icônico tom de loiro da atriz-princesa. Desafio aceito e, voilà, até a própria Grace Fuller se surpreendeu: “Meu Deus, sou eu mesma? Só poderei usar Oscar de la Renta agora!”, brincou em matéria para o site da Vogue – seria um caso antes e depois de Andy Sachs da vida real?!

Grace Fuller

Grace já declarou em matéria da revista que as joias são uma extensão dela – nunca as tira, às vezes acrescenta algumas, eventualmente elimina algumas do conjunto total, mas nunca fica sem nada. O posto na editoria de acessórios não poderia ter sido mais acertado!

Grace Fuller

Em tempo: em seu instagram {@gracefuller}, ela, como todas as editoras de acessórios, costuma reunir uma ótima curadoria de novas descobertas. Vale ficar de olho.

instagram Grace

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

À moda das francesas: o estilo da editora da Vogue Paris

17 de agosto de 2015

Uma típica francesa. Assim é o estilo de Jennifer Neyt: camisas, jeans skinny, scarpins, acessórios discretos… A atual editora de moda da Vogue francesa – até setembro passado, ela era responsável pelo site da revista – foi personagem de uma matéria sobre seu estilo pessoal na edição de abril. Em duas páginas da publicação, ela contou sobre sua trajetória, seus eleitos de moda e beleza, seus endereços favoritos em Paris.

Jennifer Neyt

ANTES DA MODA
Até seus 16 anos, Jennifer treinava equitação e vivia entre cavalos e competições. Foi só depois disso que escolheu a escola de comunicação e, apaixonada por internet e revistas, desembarcou no time da edição digital da Vogue francesa. Curiosidade: não houve indicações, ela foi contratada depois de apenas enviar seu currículo para a empresa!

Jennifer Neyt

FRANCESA-AMERICANA
Suas marcas favoritas são um passeio entre a França e os Estados Unidos. Os jeans Levi’s são mixados a peças Isabel Marant, o estilo da moda de Ralph Lauren é arrematado pelo minimalismo de Chloé. A cada seis meses, faz um ‘tour’ no famoso brechó What Comes Around Goes Around, em Nova York, para eleger peças vintage para seu acervo. O look total-jeans, em alta na temporada, também faz parte do estilo da voguette há tempos.

Jennifer Neyt

BOLSAS X SAPATOS
Difícil encontrar no mundo mulheres que não sejam apaixonadas por bolsas, mas Jennifer jura que não liga muito para elas. Prefere, como conta na matéria, ter as mãos livres. Já os sapatos… a coleção-vício inclui desde tênis em modelos vintage a botas Isabel Marant e scarpins-desejo de Gianvito Rossi. Para acessórios, elege a marca de Aurélie Bidermann.

Jennifer Neyt

SESSÃO-BEAUTÉ
Como boa parte das francesas, a voguette segue a linha ‘menos é mais’ na maquiagem: blush Orgasm e batom mate Dragon Girl, ambos da Nars, costumam ser o combo dia-a-dia. Em temporadas de desfiles, recorre ao famoso roll-on anti-stress da Aesop.

Jennifer Neyt

À PARIS…
Na cidade onde vive, ama o Ito, restaurante japonês na rua Pierre Fontaine. Logo adiante, elege o Orphée, para drinks.

Jennifer Neyt

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

A Serena van der Woodsen da vida real

20 de maio de 2013

Não parecia tarefa fácil substituir Sylvana Ward-Durret – minha voguette favorita, que ganhou vários posts na 1ª fase do It – na editoria de acessórios da Vogue americana. Mas, taí, a revista se superou e encontrou uma profissional tão linda, estilosa e inspiradora como a antecessora. Desde que Sylvana migrou para a diretoria de eventos especiais da Condé Nast, posto no qual cuida pessoalmente do famoso baile do Met, Selby Drummond se tornou a responsável por selecionar e editar as bolsas, sapatos, joias e bijoux que vamos desejar nos próximos meses. Sobre Selby? Digamos que ela é, assim, uma Serena van der Woodsen da vida real…

Selby Drummond @ Vogue

Pra começo de conversa, a moça estudou na The Spence, uma escola novaiorquina apenas para meninas no Upper East Side que lembra bastante a Constance Billard, cenário fictício de Gossip Girl. Por lá, era uma espécie de “rainha da popularidade”, com direito a citações até em matérias do The NY Times. Ainda na escola, já aparecia no expediente da Teen Vogue como colaboradora, o que aumentava o hype em torno de seu nome. Na sequência, Selby se formou em Literatura Inglesa e História da Arte na Columbia University, também em Nova York. Antes do cargo de editora na Vogue, escreveu para o site The Huffington Post e trabalhou para a Sotheby’s.

Selby Drummond

Linda, loira, bem relacionada e com um acervo de acessórios de capotar… É ou não é uma Serena da vida real?!

rodapé licença

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…