ALE GARATTONI

Carioca em SP, leonina, mãe da MH. Este blog é o meu hobby-recreio e aqui você vai ler posts que agradam aos olhos, à mente, à energia. Com beleza, suspiros e leveza! Cuide de sua alma e inspire-se, para ser & fazer melhor.

Meus Trabalhos

Para blogueiros: como ganhar dinheiro com afiliados

3 de agosto de 2017

Quem acompanha meu trabalho já sabe que, por opção, eu não faço publieditoriais. Em todos estes anos de blog, fiz esse tipo de comercialização exatamente quatro vezes – e em todas elas me senti meio contrariada, incomodada, nada à vontade. Dia desses, quando falava sobre isso em uma reunião de trabalho com alguém do mercado digital, ouvi a melhor definição para esta minha escolha: exótica! Não tem a ver com medo da rejeição dos leitores nem mesmo com incapacidade de lidar com isso sem perder minha credibilidade. Em parte pode, sim, ser efeito das minhas crenças limitantes com dinheiro (essa parte, um defeito!). Mas o ponto crucial mesmo é que quando criei o ItGirls em 2007 meu MAIOR desejo e grande motivação para ter um blog era ter um espaço no qual eu escrevesse apenas do que mais amava, sem amarras comerciais nem briefing de anunciante – sonho esse que se devia ao fato de eu trabalhar como jornalista na época e, em sites e revistas, ter sido muito pautada pelo departamento de publicidade.

Tudo isso serve para explicar por que me apaixonei pelo conceito de marketing de afiliados, que uso timidamente desde 2011 e tema no qual ando me aprofundando mais ultimamente. No Brasil, ainda é sub-utilizado, mas nos Estados Unidos, por exemplo, tem muito produtor de conteúdo ganhando um dinheiro considerável mesmo sem ter milhões de acessos ou seguidores. Essa é, eu diria, minha aposta da vez e eu sou fã número um do conceito.

marketing de afiliados como ganhar dinheiro
imagem Marketing de Afiliados via Shutterstock

PROGRAMAS DE AFILIADOS: COMO ISSO FUNCIONA?
Explicando rapidamente para quem ainda não sabe do que se trata. Um programa de afiliados une e-commerces e produtores de conteúdo. Quando um post indica um produto deste anunciante e um leitor compra o que fora recomendado, o autor do texto (e da dica) ganha uma porcentagem da venda. Note que é um ganha-ganha, bom pra todos os lados – e por isso eu amo, uso e recomendo. O blogueiro não tem nenhuma interferência em seu conteúdo (escreve sobre o que realmente quer), a marca conta com um canal extra de divulgação (e remunera por resultado, sem ter que investir no escuro), o leitor tem acesso a uma dica realmente espontânea. Em resumo, ninguém fica devendo nada para ninguém!

QUERO COMEÇAR: QUAIS MARCAS TÊM AFILIADOS?
O marketing de afiliados tem crescido cada vez mais no Brasil – nos EUA, como disse acima, já é fonte número um de renda de muitos blogueiros há anos. Todos os grandes e-commerces têm um, seja individual ou em programas coletivos. Geralmente, no rodapé do próprio site é possível encontrar informações sobre isso. Vale também ir atrás das marcas que têm sentido em seu nicho de atuação.

QUANDO COMEÇAR: AS REGRAS PARA SE CANDIDATAR
Sempre, sempre digo que se a pessoa quer ganhar muito dinheiro deve procurar outra carreira que não a de blogueiro. Acontece que de uns anos para cá houve esse boom e realmente há quem tenha um faturamento bem significativo, mas é importantíssimo ressaltar que – como em QUALQUER outro mercado – estas são exceções, não a regra. Digo isso porque não basta abrir um blog hoje, escrever meia dúzia de posts amanhã e sair pedindo viagem/maquiagem de graça (por favor, não faça isso, queima nossa classe!) ou esperar que os dólares passem a nascer na sua conta. Não é assim! E com afiliados, por mais ganha-ganha que seja, é a mesma coisa. Para ter resultado, é preciso ter engajamento real. O que se constrói com tempo e trabalho. Dito isso, sim, mesmo sem os tais números estratosféricos é possível ganhar dinheiro com afiliados, melhor forma de trabalho para os microinfluenciadores (bola da vez no mercado, dê um Google e leia sobre o assunto!). Cada programa tem suas regras de aprovação, sendo alguns mais simples de entrar do que outros. Mas, generalizando por cima, as empresas analisarão a qualidade do blog, o tempo/quantidade de posts e a identificação com a proposta.

OS PROGRAMAS QUE USO E RECOMENDO
O ideal – até para questões de organização – é concentrar em menos programas que consigam te oferecer o maior número de marcas interessantes para seu nicho. Em alguns, você está automaticamente apto a ser afiliado de todas as empresas associadas; em outros, é preciso aplicar marca por marca. Eu estou a-pai-xo-na-da pelo rewardStyle, empresa que é referência nos afiliados de moda e beleza no mundo todo e chegou ao Brasil no ano passado. Eu inclusive acabei deixando de lado outros que usava, pois ele é bem completo no geral. Para fazer parte dele, é preciso ser indicado (obrigada, The!) e aprovado, mas não há comparação em termos de ferramentas e tecnologia. De programas diretos, hoje uso apenas os da Amazon, brasileira e americana. Veja abaixo os outros nos quais estou inscrita e quais são as principais marcas de cada um.
rewardStyle: Sephora, Onofre, Amaro, Dafiti, Shop2gether, Schutz, Luiza Barcelos, Nike, Net-a-Porter, Farfetch, Renner.
Lomadee: Saraiva, Fnac, FastShop, Sepha, Sephora, Livraria da Travessa, L’Occitane, RiHappy, Livraria Cultura, PBKids, Monama.
ActionPay: Jogê, C&A, Ateen, Verve, AliExpress.
Zanox: Printi, O Boticário, C&A, Dafiti, Nike, Etna, Shop2gether, Reserva, Tricae, Giuliana Flores, Leiturinha, Caudalie.
Linkshare/Rakuten: Net-a-Porter, Luiza Barcelos, Rayban, Udemy.

PARA PRINCIPIANTES: O CURSO QUE ENSINA TUDO SOBRE O TEMA
Quando estava estudando mais sobre o assunto, li uma matéria no site da Forbes americana sobre a Michelle Gardner, blogueira sobre finanças que tinha ganhos mensais de até seis dígitos de dólares por meio do marketing de afiliados. Me inscrevi em sua newsletter (e-mail marketing bem usado, taí outra de minhas apostas) e acabei comprando seu curso sobre o assunto. Achei super bom, mas acredito que ele seja ainda mais útil para principiantes – como eu já sabia mais sobre o assunto, ele não foi totalmente novo para mim (embora eu tenha conseguido também aprender várias dicas e estratégias ótimas). São seis módulos que cobrem desde o beabá inicial para quem quer ganhar dinheiro com afiliados até as estratégias para melhorar sua conversão (percentual de vendas fechadas), passando pelas dicas para ser aprovado nos programas. O conteúdo é todo em lições escritas e traz algumas tabelas para por em prática as lições – como não curto tanto assistir a vídeos, não senti falta deste formato no curso, prefiro mesmo por escrito. Para quem não sabe bem por onde começar, recomendo 100% o Making Sense of Affiliate Marketing (disponível apenas em inglês)! Ao fim do curso, você pode inclusive aplicar para ser afiliado do próprio curso – eu sou e esse é um link taggeado, mas depois de todo esse texto nem preciso reforçar que toda e qualquer recomendação no blog é 100% espontânea!

Ganhar dinheiro com blog mantendo a seriedade e a credibilidade é super possível e eu seguirei sempre defendendo que os blogs são um poderoso meio de indicações e recomendações.

Se você é uma marca: meses atrás, falei sobre Programas de Afiliados sob a ótica do anunciante neste post do Amo Branding!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Meus Trabalhos

Workshop AG Branding para Blogueiros – inscreva-se na 3ª edição!

3 de julho de 2016

Lançada nas redes sociais há uma semana (e já com metade das vagas preenchidas!), a terceira edição do workshop AG Branding para Blogueiros acontece no fim de julho em São Paulo – e em dose dupla*, com turmas de manhã ou à tarde! Em grupos de apenas 12 participantes e dividido nos módulos “branding” e “técnicas”, eu passeio por tudo que aprendi em mais de 12 anos blogando. São dicas de posicionamento para fazer seu blog se destacar e ferramentas para aumentar a audiência e ter mais resultados via Google e mídias sociais. Nicho, uso das redes sociais, netiqueta, cases de sucesso, plugins, SEO e muito mais temas vão te dar gás – e resultado – extra, pode apostar! Para ver a programação, os detalhes do workshop e/ou garantir sua inscrição, acesse o link sympla.com.br/agbranding clicando aqui!
*Em tempo: duas turmas foram programadas para atender os interessados, pois, depois desta temporada, não haverá novas edições deste formato até o fim do ano, então não deixe de garantir sua vaga caso tenha interesse!

alegarattoni branding para blogueiros

PARA QUEM É VOLTADO O WORKSHOP
* Blogueiros que desejam criar ou aumentar a audiência de seus blogs
* Pessoas que desejam começar um blog e buscam um posicionamento inicial
* Responsáveis por blogs de marcas/empresas
* Profissionais e empreendedores que querem usar a ferramenta blog a favor de seus negócios

Blogar é, antes de tudo, uma ferramenta poderosa de branding pessoal!

branding para blogueiros

EXTRA, EXTRA: WORKSHOPS DE BRANDING EM SETEMBRO!
A próxima edição dos workshops Branding para Empreendedores e Branding Pessoal, que acontece no segundo semestre em São Paulo, terá, na semana que antecede o lançamento, pré-venda com valor especial exclusivo para assinantes das newsletters AG Branding/Ale Garattoni. Se você já assina a lista de posts da semana do blog, não se preocupe, você receberá o aviso com as instruções para inscrição neste lote especial de pré-venda fechada. Se você não faz parte deste mailing, assine agora a lista de avisos de datas e serviços AG Branding no link bit.ly/listaAG!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Meus Trabalhos

Branding para blogueiros? Posicionamento e técnicas na internet

5 de abril de 2016

imac

Algumas histórias reais…

Setembro/2014: tinha acabado de começar a AG Branding. Estava há tempos com o meu blog alegarattoni.com.br em modo lento, mas, mesmo assim, consegui preencher rapidamente a primeira turma de workshops. No entanto, sabia que para que a empresa engatasse e seguisse vendendo seus serviços eu precisaria crescer o alcance da minha base. Coloquei metas numéricas e prazos no papel. Em um mês e meio, havia batido o objetivo programado para três meses, aumentando em mais de 50% os números de acessos.

Junho/2015: em mais uma dessas competições que estabeleço comigo mesma, quis re-alcançar a audiência dos tempos de ItGirls. Decidi que o segundo semestre do ano seria dedicado a esta meta, na paralela do trabalho que eu já vinha fazendo com a AG Branding. O objetivo? Muito mais do que ver os números aumentando {porque sinceramente sou mais apegada a engajamento do que a quantidade de acessos, mas isso já é outro tema}, eu queria testar o efeito ação-reação de técnicas (honestas) na curva do Analytics. Antes do fim de 2015, havia batido a nova meta e provado – pra mim mesma – que na internet os resultados podem vir com base em movimentos simples e acessíveis. A audiência chegou a triplicar ao longo do período estabelecido.

Como fiz isso? Uma fórmula mágica, uma receita secreta? Claro que não! Foi uma mistura de comprometimento, branding e, principalmente, técnicas de internet. Qualquer pessoa pode aumentar o número de acessos do seu próprio blog. Qualquer pessoa pode tirar proveito de sua voz na internet para transformá-la em vitrine lucrativa. E qualquer pessoa pode usar o posicionamento para se diferenciar e criar uma história banana no ambiente virtual.

AG Branding

Os dois testes que fiz são, de certa forma, a origem da Mentoria Dica-Blog, um mix de workshop & consultoria que lanço agora. Porque eu sempre tive clareza de que só vendo o que testo e comprovo. E não “venderia” técnica que não foi usada por mim, da mesma forma que jamais indicaria um creme que não me trouxe os resultados esperados. Simples assim! Dito isto, criei um programa que vai ajudar quem também deseja aumentar sua voz na internet e colher frutos com isso… (sim, é mais simples e técnico do que imagina-se!). Lembre sempre: mídias sociais vêm e vão, mudam métricas e definem o que exibem para quem; seu www é seu, só seu e pra sempre seu. Cuide dele com carinho e jamais deixe-o de ter como foco central da sua comunicação online, caso esteja na internet. Espero em breve ter bons cases de antes de depois de participantes para contar por aqui e inspirar mais pessoas!

Para quem e para que é a Mentoria Dica Blog

* Quer começar um blog e não sabe por onde? Use o plano de negócios para definir seu posicionamento!

* Já tem um blog há um tempo, mas ainda não conseguiu construir e posicionar uma marca pessoal forte? Confira uma checklist de ações práticas que aumentam sua audiência e fortalecem sua base de leitores

* Tem visibilidade em outra rede social e deseja fortalecer também uma url própria? Estenda a força que criou no instagram ou facebook para um ambiente no qual terá sempre mais controle

* É um profissional liberal que quer mais visibilidade para seu trabalho utilizando o online? De maquiadores a médicos, passando por prestadores de serviços de todos os tipos, posicione seu branding pessoal no ambiente online com bom conteúdo para conseguir maior alcance e visibilidade

* É responsável pelo blog de uma marca/empresa? Como ter uma página interessante e alinhá-la ao branding da própria marca, unindo informação, interação e inspiração – e conquistando novos e engajados clientes

dica-blog

Onde, quando, como!
Dia 14.04, quinta-feira, das 14h às 17h30, em SP
Programação, detalhes e inscrições, neste link!
Formato: workshop de branding (posicionamento) para blogueiros + técnicas que melhoram a audiência
{pagamento parcelado via Sympla}
Vagas limitadas – até 12 participantes por edição

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…