ALE GARATTONI

Mãe da Maria Helena, profissional de branding e apaixonada por moda e beleza! Meu blog é o espaço "hora do recreio" no qual divido dicas, inspirações, apostas no universo das it girls e minha vida primeira pessoa na maternidade.

Lifestyle

Revival It: quer ser it girl? Aprenda com Carrie

26 de novembro de 2011

(post originalmente publicado no ItGirls 1ª fase em Novembro de 2008) 

“I admit it’s tempting to wish for the perfect boss or the perfect parents
or the perfect outfit, but maybe the best any of us can do is not quit,
play the hand we’ve been given and accessorise the outfit we’ve got!”

A frase acima – tão brilhante que serviu como primeiro post do ItGirls, em dezembro de 2007! – é de Carrie Bradshaw. A mais famosa personagem de Sex and The City conseguiu, em três linhas, reunir os principais conselhos que pode-se oferecer sobre relacionamento, vida, carreira e… moda, bien sûr! Alguma dúvida de que a personagem deve ter tanto pra ensinar sobre o it girl way of life quanto Jackie O., Audrey Hepburn e Grace Kelly (personagens deste capítulo no livro ItGirls)? Para ler, pensar e se inspirar!

Carrie na Vogue

OUSAR SEM (MUITO!) MEDO
Sair da zona de conforto e experimentar o novo pode dar errado vez ou outra, mas, com treino, observação e boas referências tem tudo para dar muito, muito certo! Mas atenção: antes de começar a arriscar vôos mais altos, deve-se ensaiar passos menores. O segredo para quem (ainda!) não tem a experiência fashionista de Carrie Bradshaw é o “devagar e sempre”!

Carrie Bradshaw em Paris

DEPOIS DA CRISE, RECOMEÇAR PELO ESTILO
Quem acompanhou a série sabe que um término de namoro era igual a um novo corte de cabelo. Uma briga entre amigas era igual a uma sessão de compras como cenário para fazer as pazes – o que, invariavelmente, era igual a um novo look. Uma insatisfação profissional era igual a um novo visual (vale só experimentar um batom diferente sim!). Pequenas – ou grandes! – mudanças de fashion-beauté ajudam muito em pequenas curas internas, pode apostar.

Carrie Bradshaw

FAZER DOS SAPATOS UMA RELIGIÃO
Não é por acaso que Carrie Bradshaw fazia de seus Manolos uma religião a ser seguida. O sapato certo – ensinamento unânime desta seção de it girls eternas – proporciona, sim, verdadeiros milagres em um look. Mesmo o mais surrado dos jeans e a mais baratinha das camisetas ganha ares quase- poderosos quando um belo par de saltos serve como acompanhamento final.

Carrie Bradshaw sapatos

USAR A MODA COMO ANTÍDOTO PARA PROBLEMAS
Precisa esvaziar a cabeça, ainda que por algumas dezenas de minutos? Pois bem, dê uma volta para conferir suas vitrines preferidas, folheie sua coleção de revistas ou navegue por sites e blogs que respeitam sua paixão pela moda. Ver imagens belas e inspiradoras – se puder levá-las pra casa, ainda melhor! – sempre dá um novo fôlego pra vida.

Carrie shopping

SE INSPIRAR EM PARIS
Carrie precisou seguir até o penúltimo capítulo da sexta temporada da série de TV para descobrir que Paris é, sempre e sem dúvida, a cidade mais inspiradora do planeta. Seja pelas francesas (literalmente chiques da cabeça aos pés), seja pelas paisagens históricas, seja pelo sem fim de vitrines estreladas, é nesse endereço que qualquer vocação fashionista-feminina se aflora.

Carrie Tour Eiffel

BRINCAR COM OS CABELOS
Por que ter apenas um estilo, um comprimento, uma cor e uma textura quando a tecnologia permite ter todas-quase-ao-mesmo-tempo-aqui-e-agora?! Cortar faz crescer e mudanças têm o papel de, praticamente, servir como um novo acessório que vai te acompanhar por uns tempos. Definitivas ou não, invista sempre nas variações!

Cabelos de Carrie Bradshaw

RESPEITAR QUE DIOR É SEMPRE DIOR
Há quem invista na bolsa de valores (xiii!), há quem invista em imóveis e há, ainda, quem prefira gastar fortunas em carros que só faltam falar (ou nem isso falta mais?). A escolha é de cada um, certo? Pela mesma razão, não é NADA por acaso que mulheres como Carrie gastam muitos dígitos em uma blusa que, aparentemente, poderia custar um décimo deste valor na loja da esquina. Aparentemente! Nada custa (tão) mais caro sem uma razão. Sim, o valor envolve o poder da marca e os milhões de euros nela investidos, mas o retorno é 100% garantido – e nem precisa ficar de olho na reunião do COPOM (inside joke!). Por retorno garantido, entenda: qualidade, durabilidade (por isso prefira os clássicos aos hits da estação) e um baita upgrade na auto-estima. Don’t blame us, we love good clothes!

Carrie na Dior

ENTENDER O PODER DAS CORES
É claro que, com o pretinho básico, não tem como errar (muito!). É evidente que os tons neutros não pedem grandes exercícios na hora de bolar uma combinação. Mas preguiça fashion não está com nada… Okay, nada de sair todo dia como uma alegoria ambulante da Marques de Sapucaí, mas um rosinha aqui e um laranja coral acolá animam qualquer modelito!

Carrie Bradshaw

SABER DIZER NÃO…
… para um pedido de casamento ou para uma roupa que não seja adequada ao seu tipo de corpo, ao seu ambiente de trabalho ou à sua saúde financeira! Se Carrie Bradshaw disse “no, tks” para o anel de noivado de Aidan, qualquer mulher terá a capacidade de deixar passar aquela saia que, definitivamente, era perfeita… para sua já encerrada adolescência.

CONSIDERAR O CLOSET GIGANTE COMO ACERVO DE ARTE
Deve-se exercitar o desapego. É fundamental enxugar os excessos. Um closet bem editado é o ponto de partida para bons looks. Correto, correto e correto! Mas é um luxo delicioso se permitir um espaço extra para montar seu acervo pessoal com blusas que você jamais voltará a usar (lembram do modelito Cavalli que Aidan queria jogar no lixo?) e sapatos que nem mais cabem no seu pé. Nem que seja só pra admirar de vez em quando. Atenção: é importante saber bem o que entra na definição “acervo de arte”, porque tem itens que atravancam sem oferecer nenhum prazer em troca!

O closet de Carrie

NÃO SE LEVAR TÃO A SÉRIO
Saber descer do salto (literalmente!) mesmo a bordo do melhor look de passarela sem perder a classe e a postura, como na cena abaixo (aperte o play!), é coisa de quem não se leva a sério. E não há nada mais it do que isso!

ACCESSORIZE THE OUTFIT WE’VE GOT
A frase lá do comecinho já resumiria tudo e esse post, na verdade, nem seria assim tão necessário! Nem sempre é possível renovar o closet ou comprar todos os vestidinhos da temporada de sua marca favorita, mas acessórios resolvem qualquer situação. Custam menos do que uma revolução no guarda-roupa e, muitas vezes, causam efeitos ainda mais definitivos em um look já adormecido!

Carrie Bradshaw

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

< >
SIGA @ALEGARATTONI