ALE GARATTONI

Carioca em SP, leonina, mãe da MH. Este blog é o meu hobby-recreio e aqui você vai ler posts que agradam aos olhos, à mente, à energia. Com beleza, suspiros e leveza! Cuide de sua alma e inspire-se, para ser & fazer melhor.

Primeira Pessoa

Sobre respeito, sobre simplicidade, sobre beleza limpa, sobre liberdade autêntica…

8 de outubro de 2014

IMG_1790.PNG

Há exatamente um ano, em outubro de 2013 portanto (!!!), escrevi no meu Facebook este texto do print acima. E, devo dizer, ele passou a fazer parte de uma leva de materiais que gosto muito de ter produzido. Em parte porque resume o que eu penso, em parte porque é um exercício diário que EU também preciso fazer, no todo porque eu acredito que essa capacidade de aceitação geral pode deixar o mundo mais agradável.

Ontem me lembrei dele enquanto lia o post que Emily Weiss, uma das minhas top musas da internet, publicou em seu IntoTheGloss sobre o lançamento de sua linha de beleza Glossier. Nem sei direito por que liguei uma coisa à outra, já que, à primeira vista, estamos falando de coisas muito diferentes. Mas quando fui lendo seu texto delicioso, fui me identificando com a ideia dela sobre liberdade. Sobre se divertir, sobre ter prazer, sobre não querer pra si outra garantia que não a absoluta autenticidade. A tal linha Glossier, pelo que entendo, segue bem os preceitos de que uma pele bem tratada precisa de menos maquiagem (skin first, makeup second, diz o slogan). E, em um ápice de inconsciente coletivo – normcore na beauté?! –, esse tem sido cada vez mais meu pensamento. Melhor investir dinheiro no que trata do que no que disfarça; dá pra gastar menos tempo com correção se gastar antes com prevenção. Serve pra tudo essa linha de raciocínio, mas eu, carioca que nunca se acostumou com o hábito paulistano de passar base e pó como parte de uma rotina diária (generalizando, ok?!), encontrei aí um aval pra viver em paz com meu “menos é mais”.

Saindo do ramo da maquiagem e voltando ao ponto que conecta todos os parágrafos deste post, Emily foi fundo quando disse que “o que não é legal é ‘se editar’, é desejar chegar a um glamour intocável ou quebrar a cabeça tentando decidir o momento certo para fazer uma coisa“. Algo como pense menos e viva mais? Em outras palavras, vale tudo desde que haja autenticidade, desde que seja genuíno, desde que seja real. E é exatamente isso que defendi no texto de um ano atrás. Seja chatinha, seja reclamona, seja desligada, seja obcecada, seja fútil, mas seja aquilo que te traz paz, liberdade e conforto. Sem a preocupação de seguir os moldes de fulano, o ideal de ciclano ou o padrão de vários beltranos. Apenas com coerência aos seus próprios valores e crenças. Apenas estando ok com você mesmo. Ou, como Emily tão bem arremata, “é sobre ser legal com as pessoas e saber que um sorriso gera um sorriso. Esnobe não é legal, feliz é legal“.

Porque no fim usar menos máscaras (de fantasias!) e usar menos maquiagem podem ser conceitos que se parecem entre si. E ambos são absolutamente libertadores!

IMG_1789.JPG

imagem: Emily Weiss personificando a ideia de que o simples é sempre muito legal!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Quando um blog de beleza vira um negócio além do blog

29 de setembro de 2014

A trajetória de Emily Weiss na internet é muito inspiradora: ela lançou seu IntoTheGloss.com em setembro de 2010, quando o mercado já apresentava certa saturação, e ainda assim transformou-o no mais influente blog de beleza da rede – literalmente, pois, no começo deste mês, o prestigiado ranking Signature9 apontou o ITG como o site com maior poder de influenciar compras, que tal?! Pois o que começou como um blog em primeira pessoa se transformou em um portal com vários editores e se prepara, agora, para dar origem a um… e-commerce? Marca própria de beleza? Assinatura de produtos de beauté?

Ainda é difícil saber exatamente qual o foco do Glossier,  mais nova empreitada de Emily. A moça parece ter decidido aproveitar seu poder de fazer com que outras moças comprem infinitos blushes e esfoliantes (palavra de uma dessas outras moças, Emily torna minhas viagens bem mais onero$as!) para ganhar diretamente com isso. Entre postagens e mais postagens no instagram @glossier, dá pra saber que o novo business já tem uma equipe de 15 pessoas, um frasco de produto e uma identidade visual bastante forte. Em meio a muitos novos teasers, foi postada uma provável embalagem oficial. Devo dizer, Emily Weiss tá pensando direitinho em branding!

Glossier

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Os melhores blogs do mundo {segundo o Bloglovin}!

9 de setembro de 2014

Emily Weiss, Olivia Palermo e Chiara Ferragni estão entre as melhores blogueiras do planeta. Ao menos é esse o resultado do Blogloving Awards, prêmio que agitou Nova York – e o instagram – na noite do domingo (7.09). O famoso agregador de blogs indicou cinco concorrentes em cada uma das onze categorias e os leitores fizeram sua parte votando nos mais-mais entre os mais-mais. O resultado teve clima de Oscar e distribuiu troféus para talentos hors-concours e também para alguns nomes que eu amei conhecer (estava muito desatualizada por não conhecer todos estes?!).

Bloglovin Awards

A listinha de eleitos com seus respectivos links pra clicar e visitar…
* Novidade do ano: Chapter Friday
* Melhor Fotografia em blog: Gary Pepper
* Melhor blog de marca: Madewell
* Melhor blog de Lifestyle: Cupcakes and Cashmere
* Melhor blog de Moda Masculina: I Am Galla
* Melhor blog de Celebridade: Olivia Palermo
* Melhor blog de Street Style: The Sartorialist
* Melhor blog de Beleza: Vivianna Does MakeUp
* Melhor blog de Notícias de Moda: Refinery29
* Melhor Texto em blog: Into The Gloss
* Melhor blog de Estilo Pessoal: The Blonde Salad
* Blogueira do ano: Kristina Bazan – Kayture

Em tempo: como leitor de feeds ainda prefiro usar o Feedly (#amo!), mas achei o máximo a iniciativa do Bloglovin e adoraria ter uma edição brasileira para eu votar nos meus favoritos! E a versão gringa, que tal? Concordou, discordou ou gostaria de ter visto outros indicados?!
{clique para ver a lista completa dos indicados}

Chiara Ferragni Bloglovin Awards

Emily Weiss Bloglovin Awards
{Chiara Ferragni e Emily Weiss recebendo seus troféus}

p.s. o post de Kristina Bazan, do blog do ano Kayture, sobre o prêmio é uma boa leitura para quem vive arranjando dificuldades ou auto-desculpas para desistir de buscar o próprio sonho. Ela conta como, há apenas três anos, criou, dentro de seu quartinho na Suíça, seu espaço na internet e trabalhou para deixá-lo como ela queria. Fórmula de sucesso? Nunca, não existe! Mas começar o projeto – seja ele qual for – com foco em fazer dele realmente bom e relevante, em vez de apenas pensar em objetivos e metas, sempre ajuda bastante!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…