ALE GARATTONI

Carioca em SP, leonina, mãe da MH. Este blog é o meu hobby-recreio e aqui você vai ler posts que agradam aos olhos, à mente, à energia. Com beleza, suspiros e leveza! Cuide de sua alma e inspire-se, para ser & fazer melhor.

Amo Branding

Os cinco primeiros passos para começar (ou reposicionar) um blog

21 de junho de 2015

Começar {ou mesmo recomeçar} um blog em 2015 pode ser bem menos simples, fácil e meramente intuitivo do que era em 2005, admito. Se destacar em meio à concorrência também é bem mais difícil hoje, quando há trilhões de concorrentes a mais, é matemático. Mas deixando a megalomania dos milhões de lado e fazendo por real propósito e paixão, ainda é possível fazer a diferença no mar de urls – e, sim, encontrar meios de monetizar, direta ou indiretamente, o seu trabalho na rede. Esteja você começando do zero ou apenas reposicionando seu blog, com novo nome, endereço ou tema.

blog

FOCO: nicho {bem} específico
Lançar um blog de moda e ponto final era algo razoável em 2007. Hoje, te leva sem escalas para uma concorrência infinita – e faz com que seja muito mais difícil se destacar. Escolha um nicho, mergulhe no sub-nicho mais específico que puder e mantenha um foco definido. Tudo começa por aí!

LACUNAS: ouvir o que se busca
Pode parecer que tudo já foi inventado. Mas não! Sempre resta algo, sempre falta um tema a ser tratado, sempre há um assunto com demanda não atendida. Ouça, mantenha os olhos abertos e, principalmente, pense no que VOCÊ gostaria de ler e não encontra. Importante: de nada adianta ser apenas uma demanda não-atendida ou um tema em alta, é fundamental que tenha de fato a ver com o que você ama e entende. Do contrário, não há interesse ou constância que se mantenham.

DIFERENCIAL: ter criatividade para pensar fora da caixa
Nicho exato encontrado, lacuna certa preenchida, qual o seu diferencial? O que sua imagem de marca acrescenta e torna único o seu trabalho na rede? Pense em branding pessoal {momento auto-propaganda: tem vários textos sobre esse assunto na seção Amo Branding aqui do site}.

A AGENDA: se comprometer com a frequência
Postar um dia aleatório por semana, desaparecer por um mês, publicar sem assiduidade: por mais interessante que seja seu blog, não se constrói público sem um comprometimento. Talvez você só possa postar as segundas, quartas e sextas; talvez tenha um conteúdo quinzenal, talvez só abra o publicador nos fins de semana. Tudo certo, mas deixe isso claro para o seu leitor – o mesmo serve para a importância de criar tags com dias fixos definidos.

CALMA: ter paciência, persistência e resiliência
Sabe qual é o maior inimigo de qualquer novo blogueiro {troque por empreendedor, profissional ou qualquer outra categoria de novato}? A ansiedade. Marcas não se constroem do dia pra noite, blogs não viralizam em dez posts, seguidores/comentários/feedbacks não brotam em árvores. Os parâmetros que temos hoje atrapalham, muito – antigamente, quando ninguém sonhava com a possibilidade de ter mil pageviews num único dia, era mais fácil se surpreender e se satisfazer. Mas nunca se esqueça que as pessoas mais bem-sucedidas, geralmente, são as insistentes profissionais!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

  1. Joana Luiz Em 21/06/2015

    Ale,
    e quando a inspiração desaparece?
    Quais os instrumentos a que se recorre quando isso acontece?
    Porque postar só por postar também não vale, né?
    Beijo,
    Joana




  2. Patricia Cella Em 21/06/2015

    Ale,
    Adoro suas dicas, dan sempre inspiradoras e realistas .

    Beijos
    Paty




  3. Christine Marote Em 21/06/2015

    Sempre é bom ler suas dicas. Bom relembrar de alguns tópicos que na bagunça do dia a dia passam despercebidos. E sim, a persistência é tudo! Lá se vão 5 anos de blog para agora, estar começando a ver algum resultado. Mas o segredo é sempre melhorar, buscar apoio de profissionais, ficar antenada e nunca desistir.
    Obrigada pelos seus insights! =]
    Beijo




  4. Adelaide Em 22/06/2015

    Como sempre,boas dicas. Todas anotadas e estudadas.

    Abraços Alê.




  5. Malu Em 22/06/2015

    Ale, você arrasa nos post! Acompanho todas as suas dicas, sempre útil passar por aqui!




  6. Fê Gonçalves Em 22/06/2015

    Adoro esses posts, principalmente fazer uma leitura dessa em uma segunda-feira. Me inspira, me incentiva! Concordo com todos os pontos e, inclusive, a concorrência não está grande somente no universo virtual, na real, no mercado de trabalho também. A concorrência em um processo de seleção é altíssima! A questão está no diferencial, no que nos diferenciamos da multidão. Boa semana, Ale!! Beijos




  7. Marcela Em 22/06/2015

    Ale, que dicas ótimas! Confesso que eu peco um pouco no quesito calma (alô, ansiedade!) e ainda tenho um pouco de dificuldade com o nicho, mas de pouquinho em pouquinho eu chego lá!




  8. Mari Dias Em 23/06/2015

    Adorei a lista desta semana Ale. Será que cabe um pouquinho de emocional ai para incluir paixão (ou qualquer outro sentimento que misture frio na barriga, ansiedade, satisfação – tudo ao mesmo tempo?). Porque acredito que blogar ainda poder ser algo complementa alguma parte da nossa vida (se esta não é sua principal fonte de renda) do que mais um motivo para gerar tanta ansiedade.

    Tenho uma pergunta sobre o post. Você comentou sobra a agenda, tags fixas, etc. Você acha que isto é válido quando já se tem algum público fidelizado ou mesmo sem uma audiência fixa (ou audiência nenhuma!) isto também vale?
    Tenho a sensação de que criar regras para algo que não tem estrutura ainda pode contribuir para expectativa de um resultado (seja ele qual for) imediato.

    Acredito que a programação ajuda a trazer a fidelização e que, controlando a ansiedade (!!!), isso traz benefícios desde o dia zero! E paixão é a base de qualquer coisa, não precisa nem dizer! De certa forma, quando incluo a escolha de um tema que você realmente gosta e entende, caio nesse pré-requisito!
    bjobjo




  9. Nathalia T. Em 25/06/2015

    Adoro esses posts para ajudar outras blogueiras Alê! =)
    Sempre leio para ver o que posso melhorar no CqA!

    Beijos




  10. Carina Pedro Em 02/07/2015

    Ale, não esqueço esta questão do foco desde que conversamos no Starbucks. Eu mesma como leitora não gosto mais de ler blogs antigos que cresceram falando de tudo um pouco e de nada profundamente. Outra dica legal sua é escolher os dias da semana para postar, se não conseguir postar todos os dias, claro. E o tempo realmente faz a gente ir melhorando e por isso a paciência e insistência é muitíssimo importante. Dicas anotadas e sempre boas de reler.
    Beijos!




Deixe seu Comentário