ALE GARATTONI

Mãe da Maria Helena, profissional de branding e apaixonada por moda e beleza! Meu blog é o espaço "hora do recreio" no qual divido dicas, inspirações, apostas no universo das it girls e minha vida primeira pessoa na maternidade.

Lifestyle

Antes e depois: a fórmula dos cílios enormes

6 de janeiro de 2017

Curtos, ralos e sem curva: essa foi a definição dos meus cílios durante minha vida toda! Um bom curvex até poderia fazer diferença, um bom rímel dava um upgrade, mas, mesmo com eles, só conseguia ter cílios de verdade se usasse postiços – o que, convenhamos, está distante da minha realidade, pois só uso postiços quando vou a um maquiador, algo que acontece em frequência bissexta!

No ano passado, cheguei perto de aderir à comentadíssima extensão, processo no qual os fios são colados por cima dos seus. Mas o medo de uma alergia (efeito bastante comum, pelo que já vi/li por aí, com casos terríveis de irritação – e eu costumo ser super alérgica…) e depoimentos sobre a consequência perda dos fios naturais me afastaram desta opção. Mas depois de “abrir os olhos” com o Botox nas pálpebras, a vontade de ter cílios que valorizassem essa área aumentou! Foi então que decidi experimentar o Latisse, que está longe de ser uma dica nova, mas era algo que nunca tinha tentado. Importante ressaltar que, por ser um medicamento, deve-se sempre consultar antes o seu médico. E agora que as imagens falem mais que palavras…

aumentar cílios ale garattoni

Na primeira foto, o antes: nem eu sabia que minha situação era tão trágica! Na imagem do meio, o efeito na metade da primeira caixa – o tratamento completo leva três meses e uma caixa dura exatamente este tempo. Por fim, o depois, em imagem do início de dezembro. No meio do processo, aderi a mais um produto, o Talika Lipocils Expert. Enquanto o Latisse promete (e cumpre!) aumentar a quantidade e alongar, o Lipocils escurece e engrossa os fios. Sinto que o mix dos dois foi certeiro, tanto que na última imagem já se vê que eles estão mais pretos, o que colabora no visual geral.

No meu caso, que realmente NÃO TINHA cílios, é indiscutível o benefício. Hoje posso usar um rímel e ver o efeito – o que antes tinha pouquíssima diferença. Agora estou na segunda caixa e, devo admitir, esses dois produtos vão fazer parte da minha vida pra sempre.

Alguns acréscimos importantes…

* Comenta-se que o Latisse é contra-indicado para quem tem olhos claros, pois pode escurecer a íris dos olhos. Como não é o meu caso, não posso opinar sobre isso, mas em quatro meses de uso nunca deixei que o produto entrasse nos meus olhos – basta ser cuidadoso na aplicação.

* Também há um apontado efeito colateral de escurecimento de pálpebras e aumento de efeito de olheiras, já que o produto pode escurecer a pele nesta área. Eu sinto um pouco isso sim, especialmente na pálpebra superior, onde ele é de fato aplicado. Mas no placar geral, para mim, os bônus ainda são infinitamente superiores aos eventuais ônus!

* É fundamental ser disciplinado no tratamento: pra mim, já virou parte da rotina, tal e qual como escovar os dentes. Uso o Lipocils de manhã (basta esperar uns minutinhos para secar e depois pode usar maquiagem normalmente, inclusive máscara de cílios normal) e o Latisse todas as noites na hora de dormir. Estou na segunda caixa já e, se parar, estou ciente de que os cílios voltam ao passado ralo e curto. Tem que ser pra sempre – já ouvi, no entanto, que é possível espaçar mais a aplicação quando os fios já atingiram o tamanho desejado.

Em tempo: uma caixa de Latisse dura cerca de três meses e custa em torno de R$ 150 nas farmácias. Já o Talika Lipocils Expert comprei aqui na Sephora online e já vi à venda também na Drogaria Iguatemi, por R$ 235. Agora, Betty Boop que me aguarde!

Betty Boop

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Oito marcas cariocas que são a cara do verão

4 de janeiro de 2017

Vem chegando o verão e… a tag “verão no Rio” já começa a falar mais alto por aqui. Porque acho que não restam dúvidas de que, se cada cidade tem sua estação oficial, a temporada entre dezembro e março é A representação da capital carioca. E para dar a largada na versão 2017 destes posts, eis um apanhado de oito marcas que, cada uma em sua área, são a cara do Rio. Tem moda, tem acessórios, tem comidinhas e tem roupinhas kids – (quase) todas já foram indicadas aqui no blog e/ou nos instagrams @alegarattoni e @togravida, mas sempre vale o pot-pourri!

marcas cariocas

ENFEITE-SE COMO UMA CARIOCA
Acessórios, ah, os acessórios: não é por acaso que várias das melhores marcas desta categoria começam no Rio – a carioca ama um enfeite e segue a proposta “quanto mais colorido, melhor”. Nesta ideia, vale agendar uma visita à Brir, que tem seu espaço no Jardim Botânico. Se as bijoux são sempre imponentes, na hora das joias as meninas do Rio preferem uma linha mais minimalista, tal e qual as peças elegantes e lindas de Julia Monteiro no Carvalho, que atende em ateliê na Dias Ferreira, rua mais movimentada do Leblon. Por fim, encomende via instagram sua shopping bag de linho na Carol Arrigoni. O modelo ganhou versão em tons mais claros, que combinam perfeitamente com o mais quente dos dias!

Brir Acessórios

joias Julia Monteiro de Carvalho

bolsa Carol Arrigoni

MODA – MÃE & FILHA – DA AREIA AO ASFALTO
Sim, o estilo da mulher carioca é inspiração para o verão no mundo todo. Peças leves, estampas coloridíssimas e um visual despretensiosamente chique resultam nessa tal fórmula, que transita com louvor entre areias e asfaltos, dia e noite. Eis aqui três exemplos de quem representa esse padrão: os biquínis da Yas Beachwear, que têm modelagens lindas e usam ótimos materiais; as roupas da Eva, marca feminina da Reserva, que levam a sério o mix de estilo, conforto e alegria; e a Nunim, em Ipanema, que mostra que estilo & estampas começam já no berço, com maiôs, biquínis e vestidinhos irresistíveis para as pequenas.

Yas biquínis

Eva

Nunim

GASTRONO-RIO
Nem só de almoço no Gula Gula se faz a programação culinária na cidade {quem me segue vai entender essa afirmação!}… Os pães & quitutes saudáveis da Cozinha Crunch – sem glúten, sem lactose, mas com (muita!) graça –, que antes só estavam disponíveis sob encomenda, agora têm pontos de venda diferentes a cada dia. Confira sempre no instagram da marca a programação. Por fim, um dos melhores restaurantes de comidinhas rápidas acaba de voltar à cena: o Pipo, do chef Felipe Bronze, tem novo endereço no shopping Fashion Mall – peça o Ostrix (foto abaixo), sanduíche de ostras que é absolutamente incrível.

cozinha crunch

Ostrix Pipo

restaurante Pipo

Tô chegando, me aguardem!

créditos imagens: abre via catálogo Victoria’s Secret; divulgação e instagrams das marcas citadas

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Coach de vida saudável, você precisa de uma!

2 de janeiro de 2017

Você precisa. Eu preciso (muito!). Todos nós precisamos. É um sinal dos novos tempos, de muitos produtos industrializados e poucas horas livres. Quem, afinal, nunca ficou confuso ao entrar no corredor de itens fit do supermercado? Ou se sentiu em dúvida ao ler um rótulo? Porque barrinhas de cereais nem sempre são as amigas da sua dieta, como antigamente se acreditava. E, principalmente, porque cada vez mais se descobre que nesse mundo sem glúten, sem lactose, sem açúcar, levam a melhor mesmo os produtos sem tanta química. O famoso “abrir menos, descascar mais”, que o autor Michael Pollan prega.

E é nesse intuito, de ajudar a separar o joio do trigo (ops, trigo?!) na alimentação, que surgem cada vez mais profissionais especializadas como “coach de vida saudável”. Não são (necessariamente) nutricionistas, não estão focadas em dietas nem muito menos em calorias, seu intuito é basicamente ensinar como uma alimentação mais natural traz benefícios para a vida e para a saúde de uma pessoa.

coach de vida saudável
imagem: comida saudável via Shutterstock

PARA UMA CONSULTORIA COMPLETA
Um processo de coaching, uma ajuda na hora da lista de supermercado, um treinamento na cozinha ou uma montagem de cardápio: a lista de serviços de Larissa Colombo tem opções para todos os gostos! Formada pelo Integrative Nutrition, maior e mais conhecida escola de formação de health coachs do planeta, ela promete uma vida mais leve, feliz e saudável. Para conhecer seu trabalho, esse é o site oficial.

PARA AS MÃES DE CRIANÇAS PEQUENAS
Mari Moutinho é mãe, chef e defensora da alimentação como cura – ela própria é a comprovação da teoria, pois mudou sua saúde como, como ela diz, comida de verdade! Sua filha Bia, de recém-completados dois anos, mostra como os pequenininhos podem – e devem – se habituar a suco verde e viver sem industrializados. Já são mais de dez mil seguidores reunidos em seu perfil de instagram, no qual ela divide receitas e um estilo de vida 100% saudável para mães & filhas.

PARA APRENDER A POR A MÃO NA MASSA
Em cursos temáticos que vão desde a introdução à alimentação saudável até a preparação de queijos veganos, a chef Patricia Helu passeia pela escolha ingredientes e promete desmitificar a dificuldade de cozinhar – ela garante, com sua didática, que todos podem se aventurar no fogão! Patricia está à frente também dos retiros Ashta, viagens que unem yoga, meditação e culinária em cenários tranquilos (#meta2017!).

 

Quer dar a largada com um programa de purificação? O roteiro de 21 dias preparado pela professora de Yoga Mayara Beckhauser, do YogIN App, e pela nutricionista Fernanda Scheer é completíssimo e aborda não apenas a alimentação, com uma dieta vegana e alcalina, mas também a limpeza de alma – os vídeos sobre ego e sobre crenças limitantes da May são trans-for-ma-do-res!

Tudo acontece online e é super organizado, com listas de compras e receitas enviadas semanalmente, sempre intercaladas com vídeos e outras referências úteis para quem deseja uma nova fase livre de toxinas, de ansiedade, de excessos. Sob medida para quem colocou a vida mais saudável na lista de metas 2017, a próxima edição começa dia 16 de janeiro. Vale acessar yoginapp.com/programa-purificacao-total para saber mais detalhes!
. 

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…