ALE GARATTONI

Carioca em SP, leonina, mãe da MH. Este blog é o meu hobby-recreio e aqui você vai ler posts que agradam aos olhos, à mente, à energia. Com beleza, suspiros e leveza! Cuide de sua alma e inspire-se, para ser & fazer melhor.

Lifestyle

Emily Weiss na capa da Entrepreneur: dez lições de vida

25 de agosto de 2017

Como não falar da matéria de capa desta edição da revista de negócios Entrepreneur?! Como evitar por aqui {mais} um post estrelado por Emily Weiss, a blogueira-empresária que transformou seu blog de beleza em uma startup milionária? Como não transformar o texto em uma lista de lições úteis para qualquer pessoa? Impossível, realmente impossível! Emily é e rende assunto para um blog inteirinho sobre ela, afinal. E é exatamente por ela, como diz a matéria em questão, “inspirar sem intimidar” que sua trajetória pode servir de exemplo…

Emily Weiss Entrepreneur

A revista deste mês faz um passeio pela vida e carreira de Emily, desde antes do Into The Gloss, blog de beleza que entrou no ar em setembro de 2010 e um ano depois já atingia a impressionante marca de 10 milhões de pageviews mensais. Narra passo a passo até a próxima mudança de escritório: a sede da Glossier, sua startup de produtos de maquiagem e tratamento de pele, passará a ocupar um espaço de 2.500 metros quadrados no imponente prédio One SoHo Square – no qual será vizinha da M.A.C.

Os números, aliás, impressionam: embora a empresa não tenha dividido valores exatos com a publicação, a matéria conta que o faturamento cresce 600% ao ano (sim, não errei nos zeros) e que a captação de investimentos já chega a US$ 35 milhões. É compreensível. Segundo a Entrepreneur, a taxa de conversão da única loja física, na cobertura do atual escritório, chega a 65% (sim, mais da metade de quem visita sai com ao menos uma sacolinha) e o metro quadrado vende mais do que o da Apple Store.

Eis dez lições de vida que foram tiradas das linhas da matéria de capa…

Emily Weiss Entrepreneur

NÃO DISPENSE UMA DOSE DE CARA DE PAU
No bom sentido e com educação sempre, claro. Mas ter senso de oportunidade – e usá-lo corretamente – faz diferença. Emily conseguiu seu primeiro estágio, na marca americana Ralph Lauren, quando trabalhava como baby-sitter dos filhos de uma funcionária da empresa. Como? Ela disse “amo seus filhos, mas seria muito ousado te dizer que eu adoraria trabalhar com você?”.

ACUMULE CONHECIMENTO VARIADO
Essa é para a turma das antigas, que assistiu a sua participação como a super-estagiária do seriado The Hills. Em determinada cena, ela se destaca entre as funcionárias da revista Teen Vogue ao organizar um evento com maestria, sabendo inclusive o que era chinoiserie – a palavra rendeu assunto na época da série! Repertório nunca é demais e sempre garante vantagem competitiva.

PRODUZA O QUE GOSTARIA DE CONSUMIR
Não importa se você tem um blog, uma empresa de produtos ou um negócio de serviços: ofereça o que valoriza – são grandes as chances de que mais pessoas também tenham a sua mesma demanda. Foi com essa filosofia que Emily formatou seu blog IntoTheGloss e, depois, a Glossier.

QUALIDADE SEMPRE SERÁ BOA PEDIDA
Desde o início, o Into The Gloss se destacou na já estabelecida blogosfera da época graças a sua combinação de texto cuidadoso, estética impecável e fotos profissionais.

NÃO EXISTE SUCESSO SEM {MUITA} RALAÇÃO
Quando começou o blog, Emily ainda trabalhava como assistente de styling na Vogue – emprego no qual permaneceu até o primeiro aniversário do IntoTheGloss. Para dar conta do conteúdo, trabalhava no seu projeto das quatro às oito da manhã diariamente, antes de ir para a revista. Dedicação, esforço, querer muito (sem preguiça): essa é a receita para qualquer objetivo.

Emily Weiss Entrepreneur

TENHA – E SAIBA APROVEITAR – SUA REDE DE CONTATOS
Relacionamentos, você sabe, são um valor cada vez mais significativo no mundo contemporâneo. Pois Emily aproveitou seu acesso a grandes nomes da moda e beleza, por conta de seu emprego oficial, para fazer as melhores entrevistas e mais importantes reuniões.

A TAL DA GARRA MOVE MONTANHAS
Quando começou a buscar possíveis investidores para a Glossier, Emily ainda nem tinha produtos ou business plan – apenas uma ideia muito clara de posicionamento. Pois foi sua garra que chamou a atenção da primeira a colocar dinheiro no negócio: a investidora conta que se convenceu da oportunidade ao perceber o que Emily era capaz de fazer mesmo sem recursos.

É PRECISO RECONHECER FRAQUEZAS
Ninguém é bom em tudo e cada um tem seus pontos fortes! Já na largada da Glossier, Emily trouxe para a sociedade um profissional experiente que sabia transformar as infinitas ideias de sua mente 100% criativa em ações e produtos tangíveis. Saber quem e o que te complementa é o pulo do gato.

ENTENDA COM QUEM VOCÊ FALA
Cada tipo de negócio, cada objetivo de ação, cada demanda de público tem uma prioridade. Saber o que é o maior valor para a sua plateia é meio caminho andado. Emily sabe que fala com a “geração instagram” – e não é casual seu foco na embalagem, no cuidado estético, na fotogenia dos produtos. Seu mais poderoso canal de divulgação é o conteúdo compartilhado espontaneamente nas redes sociais, algo que certamente se fortalece pela beleza dos itens.

A PROXIMIDADE GERA LEALDADE DE CONSUMO
Lembra do conceito de “inspirar sem intimidar”? A interação que Emily mantém até hoje é parte disso. Ela acompanha – e curte! – pessoalmente posts com a hashtag #glossier. Seu time também está sempre atento e interativo. Os clientes são RPs e consultores extra-oficiais da marca – um dos recentes lançamentos, o protetor solar, foi desenvolvido de acordo com comentários de consumidores.

instagram Emily Weiss

Para ler a matéria na íntegra (vale muito a pena!), este é o link do texto no site da Entrepreneur.

 

imagens: Nigel Parry para Entrepreneur e instagram Emily Weiss

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

E o peeling no rosto ganhou versão “entrega em domicílio”!

22 de agosto de 2017

No mês passado, postei aqui sobre como tenho amado o efeito do peeling como parte do tratamento do rosto – pós-40, devo dizer, estou especialmente obcecada por cuidar da pele e este serviço é uma das minhas gratas surpresas recentes. Numa dessas sincronicidades da vida, logo depois começaram a pipocar aqui e ali lançamentos de produtos que exatamente cumprem a função de um peeling. Em casa!

peeling caseiro
imagem peeling via Shutterstock

Tal e qual as versões do consultório, o objetivo dos produtos caseiros é usar ácidos para fazer essa, digamos, “troca de pele”: ela descasca e, com o surgimento da nova camada, há melhora de textura e redução de manchas e marcas menos profundas. Não sou expert em química, mas deduzo que a concentração de ácidos seja menor no modelo “em domicílio”, até porque ele será usado por não-profissionais. E acredito, assim, que ele não substitui o tratamento em esteticista, mas somar esforços é sempre uma boa pedida, né?

Quem já tem?! No topo da wish-list está o lançamento da Lancôme: o Visionnaire Crescendo (R$ 489) promete pele mais uniforme, redução das linhas finas e brilho saudável em renovação visível após 28 dias consecutivos de uso. Já a fórmula do Peeling Facial Renovador em Gel TimeWise Repair da Mary Kay (R$ 259) pede utilização intervalada de no máximo duas vezes por semana e, também com base de ácido glicólico, faz uma esfoliação intensa.

Uma versão mais acessível é o Peeling Glicólico da Caudalie (R$ 169), que, em forma de máscara de uso semanal, tem foco central no controle da oleosidade – mas promete também clareamento e redução de poros e manchas na paralela. Por fim, a Kiehl’s colocou no mercado o seu Nightly Refining Micro-Peel Concentrate (R$ 338), indicado mesmo para peles sensíveis. A promessa da descrição? Pele nova, radiante e refrescada, graças a um processo de renovação celular noturna.

Importante: estes produtos com função peeling não devem ser usados em conjunto com outros ácidos. Tal e qual quando se aplica as versões de consultório, a pedida é escolher apenas sabonetes para peles sensíveis (tenho usado este pós-peeling ou pós-laser) e muita água termal durante o período de descamação.

SaveSave

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Comprinhas imaginárias da semana!

19 de agosto de 2017

Vou contar uma coisa: o retorno dessa tag me traz prejuízo. Porque eu fico navegando e brincando de comprinhas imaginárias para escolher os itens da semana e… acabo fechando o pedido de verdade! Mas nesse caso foi por um ótimo motivo: estava há semanas esperando o lançamento no Brasil desta “aguinha” da Caudalie. Pela descrição, ela tem a mesma finalidade – e mesmo resultado – da famosa essência da marca japonesa SK-II, sobre a qual escrevi algumas vezes no blog (aqui, aqui e aqui, por exemplo). Ela é possivelmente o produto de beleza que mais amo/amei na vida, mas como é vendida em pouquíssimos lugares (e como o dólar atual deixa seu já não-amigável preço nas alturas), eu andava orfã há uns dois anos. Enfim, antes mesmo de publicar o post, já comprei a minha, espero voltar com ótimas notícias em breve!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…