ALE GARATTONI

Mãe da Maria Helena, profissional de branding e apaixonada por moda e beleza! Meu blog é o espaço "hora do recreio" no qual divido dicas, inspirações, apostas no universo das it girls e minha vida primeira pessoa na maternidade.

To Grávida

Dez mitos e verdades sobre o enxoval

7 de julho de 2014

Eu não sei quantas mulheres grávidas são como eu fui: se me dissessem que um mini-elefante branco era fundamental no enxoval, eu comprava! Não tinha a menor ideia de nada, o mundo baby era 100% desconhecido pra mim e eu dava Google até pra saber o que era cueiro, culote e outros itens básicos da vida materna. Na saída da maternidade, cheguei ao cúmulo de pedir pra enfermeira escrever qual marca de fralda eu deveria comprar. Sim, eu fui dessas…

Mas 14 meses se passaram e se ainda não sou uma expert posso dizer que estou perto disso! E é com base nas minhas experiências pessoais e também em observações a exemplos alheios (que agora eu sei interpretar) que preparo essa lista de mitos e verdades acerca do que ouvimos sobre enxoval – sem pretensão de ser mandamento sobre nada, apenas um apanhado estatístico que pode ajudar principiantes!

enxoval de bebê

NÃO PRECISA COMPRAR ROUPA RN
Mito. Eu não sei de onde surgiu esse lance de que bebê não usa roupa tamanho recém-nascido. Perde rápido? Sim, perde, tal e qual todos os outros tamanhos. Mas a menos que você queira ver a criança com panos, mangas e pernas sobrando, pode colocar RN no enxoval, sim! MH nasceu com 49cm, 3.330kg (ou seja, super na média, nada pequena) e usou as roupinhas RN por mais de um mês. Inclusive precisei comprar, às pressas, mais algumas peças – porque tinha acreditado nesse conselho e fui econômica demais com o tamanho.

O ITEM MAIS DESNECESSÁRIO É O AQUECEDOR DE MAMADEIRAS
Verdade. Dez entre dez mamães apontam esse como o item “comprei e não usei” – passa a reparar em blogs e entrevistas. O meu está fechadinho e intacto. Gasto desnecessário (diga-se de passagem que por aqui, se esquentar o leite, mesmo no inverno, MH recusa).

MUSTELA É A MELHOR DAS MELHORES PARA HIGIENE
Mito. Eu adoro Mustela e uso vários produtos da linha baby. Mas acho que a marca é um pouco superestimada – eu mesma embarquei na fidelidade a vários itens Mustela por conta disso. Na rotina diária, MH usa os lencinhos, o perfuminho de cabelo e o sabonete líquido. Mas mandei pra usar na escola um Johnson’s amarelinho (que só é vendido nos Estados Unidos) que estava guardado no armário e ele é BEM melhor, o cabelinho dela fica muito mais soltinho e macio. Já estou reconsiderando minha fidelidade…

INVISTA NO MAIS LINDO KIT-BERÇO
Mito. Os protetores para as laterais do berço sempre recebem atenção máxima na hora de decorar o quartinho. Bata um papo com um pediatra antes de comprar o seu. O meu (pediatra) me fez arrancar tudo do berço quando MH tinha uns quatro meses. Por incrível que pareça, é mais seguro sem do que com.

UMA ÓTIMA BABÁ ELETRÔNICA {COM CÂMERA} É FUNDAMENTAL
Verdade. Mães de primeira viagem tendem a ser mais preocupadas. E esse item tecnológico de primeira necessidade nos ajuda a não ir de madrugada no quarto do bebê pra checar se ele está respirando. #QuemNunca!

FRALDAS E PANINHOS DE BOCA, QUANTO MAIS MELHOR
Verdade. Especialmente nos primeiros meses, usa-se muito, troca-se a cada minuto, a rotatividade é infinita. Quantidade acima de qualidade, pode comprar os mais simples e baratinhos porque super atendem à função.

GASTE SEM DÓ NAS ROUPINHAS DE MATERNIDADE
Mito. Cada look-maternidade tem: um body, uma calça-culote, um macacão (geralmente de tricô), meias e manta – assim me fora passado, pelo menos! A recomendação universal pede seis looks, em uma conta de dois por dia. Lá fui eu com seis kits completinhos, incluindo uma manta pra cada. Exagero, super exagero. No segundo dia, estava tirando o macacão de tricô de MH, cujo choro intermitente foi diagnosticado como… calor (e ela nasceu em maio em SP!). Eu não posso dizer para que as mães de primeira viagem pulem essa parte porque eu mesma, se voltasse no tempo, faria tudo de novo (mesmo reconhecendo os exageros) – a gente ama ver o bebê lindo na maternidade. Mas, ao menos, tente controlar as quantidades (duas mantas em cores neutras já atendem) e os valore$! Ahh, até porque, vale dizer, se usa cada um deles uma única vez e olhe lá, porque apesar de lindas essas não são as roupinhas mais confortáveis do mundo pra um recém-nascido.

É MELHOR MONTAR O ENXOVAL ATÉ 1 OU 2 ANOS NA GRAVIDEZ
Depende. Algumas pessoas viajam para comprar tudo fora e aí pode fazer sentido já aproveitar a viagem – literalmente! Eu, particularmente, acho besteira fazer esse mega-estoque inicial de roupas, principalmente porque o estoque inicial de todo o resto já é gigante. Ainda que tenha que pagar mais, prefiro comprar tamanho a tamanho, conforme MH vai crescendo.
{Compro muito no site da Carter’s pra entregar aqui no Brasil e adoro. Ele já calcula frete e impostos no carrinho final. Claro que se for ver quanto custaria pra entregar nos Estados Unidos dá dor no coração, mas, ainda com os absurdos impostos de importação, o preço vale a pena.}

EXISTE UMA ÚNICA MELHOR MARCA DE FRALDA
Mito. Eu cheguei a experimentar umas três marcas de fralda – amei uma e DE-TES-TEI as outras duas, que vazaram já no primeiro uso. Mas já ouvi elogios pra mesma marca que foi uma tragédia pra mim (bem como já ouvi gente que não curtiu a minha eleita). Como disse aqui, uso a Turma da Mônica Supreme Care (que lançou versões para meninos e para meninas bem na época do nascimento de MH) desde as primeiras semanas e amo. Mas o ideal é sempre experimentar alguns modelos até chegar à ideal.

COMPRE BICOS DE MAMADEIRA 1, 2, 3, 4…
Mito. Na teoria, o bico #1 é para recém-nascidos. O #2, a partir de 1 mês. O #3, a partir de 3 meses. E o #4, a partir de 6 meses. Na prática, o pediatra indicou manter pra sempre o bico #1, que é mais fechado, para o leite – a decisão foi fortalecida pela mamãe (que tinha medo dela engasgar com bico mais aberto) e pelo papai (que é formado em odonto e dá créditos extras ao esforço da sucção). Tenho coleções de todos os bicos aqui, mas só usei o #1 e, com ela maiorzinha, o #4 para sucos mais grossos. Todo o resto nem saiu da caixa.

imagem: Carter’s

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

  1. Luciana lima Em 07/07/2014

    Alê, achei excelente o post! Só não concordei com o item do kit berço. Não há nenhum estudo científico que mostre que ele cause mais mal do que bem. Não está comprovado. Mantive o do meu filho e conversei com a pediatra dele. Fora isso, concordo com você!! Bjokas

    Oi Lu!
    Como eu disse (e sempre reforço nos posts de maternidade), meu intuito não é levantar bandeiras, apenas mostrar meu olhar! Eu particularmente não gosto dos protetores e meu pediatra pediu para que tirasse logo que ela começou a querer ficar de bruços – também não sei sobre estudos científicos, me baseei nos argumentos dele para me referir ao “mais mal do que bem”. O mais importante é conversar com o pediatra e ter confiança nos argumentos dele, porque garantia 100% de uma escolha nunca há!
    bjobjo




  2. Déborah Alvares Em 07/07/2014

    Oi Alê! Fui dessas mães de primeira viagem também! Mil e uma pesquisas de listas e dicas, mas nada como a experiência própria…
    Assino embaixo de quase tudo do post.
    -Roupinhas RN: suuuper importante comprar! Minha bebê nasceu com 37 semanas e 2,3Kg. Nada indicava que ela viria um pouco antes. Se tivesse comprado uns jogos Premature da Carter’s eu teria usado.
    -Aquecedor de mamadeiras: nem comprei.
    -Higiene: uso muito os da Granado. Optei por não comprar nada que fosse mais fácil comprar nos EUA para não correr o risco de ficar sem ou ter que pagar uma fortuna.
    -Kit berço: embora não seja recomendado, eu uso ainda (minha baby tem 8 meses) um modelo bem fininho nas laterais, só pra não correr o risco de prender as mãos ou pés.
    -Babá eletrônica com vídeo: é vida!!!
    -Paninho de boca (chamam de babinha aqui em BH): comprei dois kits de 6 mais bonitinhos pra sair pra algum evento e uns 24 (2 kits de 12) pro dia a dia. Usa o quanto tem!
    -Roupinha de maternidade: primeiro de tudo veja como funciona na maternidade que você vai ter o bebê! Muitas tem lista com itens que indicam levar. Eu tive parto cesárea e ficamos 2 dias no hospital. Tava muuuito calor e, embora eu tenha levado uma mala completíssima, usamos apenas o macacão da maternidade no primeiro dia (pra quer ter o trabalho de trocar? tudo muito novo nas primeiras horas) e mais um macacão e uma manta pra sair da maternidade.
    -Viajei e comprei roupas até 1 ano, Vale a pena se a gente não exagerar nos kits de body e roupinhas para idades iniciais. Maria não usou várias roupas porque comprei em excesso. Uma DICA preciosa que queria ter tido: as roupas da Carter’s geralmente são usadas ATÉ a idade da etiqueta! Ou seja, roupa de 3 meses vai usar até o bebê ter 3 meses. Tem uma tabela com estatura e peso de cada faixa etária das roupinhas da Carter’s. Claro que varia de cada bebê (a minha, por ter nascido menor e 3 semanas antes, tem usado umas semanas a mais da idade da etiqueta.
    -Fralda: cada mamãe se apaixona por uma. Não gostei da Turma da Mônica. Acho o toque dela muito parecido com papel, enquanto as da Pampers me remetem ao tecido. Nunca vazaram comigo (a roxa e a verde).
    -Bico: fiz estoque atoa também…

    Se me permite acrescentar…
    -Canguru: comprei e usou 2 vezes. Não funcionou pra minha rotina e pro temperamento da minha filhota.
    -Bouncer: é vida!!! (2). Usei muito, minha filha amava e me ajudava bastante por não ter que ficar carregando a Maria. Colocava ela lá (ela nem curtia o treme treme, só a cadeirinha normal mesmo) e podia fazer mil coisas!
    -Tapetinho de atividades: não trouxe porque achei bobagem. Bobagem foi não trazer. Acabei comprando e ela usa muito! Ajuda no desenvolvimento e na distração dela.
    -Pomadas: me indicaram sempre a Desitin. Conheci uma brasileira na loja e ela me falou tão bem da A+D que me convenceu! A Maria tem 8 meses e NUNCA teve assadura. Uso só a A+D.

    São tantos itens que poderia escrever pra sempre aqui, rs. Como já exagerei, fico “só” nessas dicas mesmo. Bjos

    Oi Deborah,
    obrigada pelos acréscimos! Sobre eles não escrevi pois já havia falado destes tópicos no post “Os 10 itens de ouro do enxoval”, linkado no trecho em que cito as fraldas. Pra esse, me prendi apenas aos mitos e verdades!
    bjobjo




  3. Marcia Em 07/07/2014

    Super lúcido o post. Só acrescento uma coisa: no meu chá de bebê, ganhei toneladas de pacotes de fraldas Pamper´s. No primeiro pacote que abri – adivinha? Meu filho teve reação alérgica. Fiquei com estoque de pacotes de fraldas, saí tentando negociar nas farmácias para trocar com deságio por outras marcas. Fui rodiziando entre as marcas porque ele sempre desenvolvia algum tipo de reação, se não era de imediato como foi com a Pamper´s, era depois do 5o ou 6o pacote. Enfim, tenho um pouco de pé atrás com esse negócio de fazer estoque porque a gente nunca sabe como vai rolar com a gente. E nessas de comprar em viagem roupas para guardar, tomei outra na cabeça: meu filho, agora maior e cheio de vontade própria, tem os gostos dele e não usa várias peças que comprei e que estão novinhas, com etiqueta, no armário. Ou seja, economia meio discutível.




  4. Clarissa Em 07/07/2014

    Oi Alê! Minha bebê (que se chama Helena!) tá completando 2 meses hoje e já pude comprovar tudo o que você falou, exceto a parte de comprar o enxoval até 1 ano. Eu comprei quase tudo até 12 meses e acho mais fácil do que ficar saindo para comprar toda vez que ela cresce ou falta alguma coisa.
    Como fiz o enxoval com 2 amigas que já eram mães, elas me ajudaram a não cair em nenhuma armadilha. Aliás, queria saber quem inventou essa história de que não precisa de roupinha RN! Até essas ficaram grandes no início, imagina se eu não tivesse comprado!!!!
    BJs

    Verdade, existe a praticidade! Mas o que tenho feito é comprar online a cada três meses (que é quando muda o tamanho) o básico necessário e as “gracinhas” (vestidinhos etc) sempre que vejo algo legal. Acho que não consigo planejar com tanta antecedência itens, quantidades e estações!!!
    bjobjo




  5. Leticia Em 07/07/2014

    Oi Ale
    Qual o tempo de entrega da Carters? Demora muito pra chegar?
    Bjsss e obrigada!

    Entre o tempo de processamento do pedido e o tempo de viagem da carga, uma semana mais ou menos!
    bjoo




  6. Ione Em 07/07/2014

    Sem dúvida eu reforçaria com lumi color o item COMPRE ROUPINHA RN!!!
    Meu primeiro filho tinha um único macacão nesse tamanho que era o único que ficava ok nele, que nasceu com 51cm e 3.650 kg. Achava esquisito os outros com pernas “sobrando”, e nos primeiros dias providenciei mais uns cinco RN, melhor investimento!




  7. Déborah Alvares Em 08/07/2014

    Alê, tentei uma vez comprar online na Carter’s, mas com o intuito de entregar na casa de uma amiga que mora nos EUA. No processamento não aceitaram meu cartão porque deveria ter um billing adress nos EUA (mas, embora seja internacional, o endereço dessa infirmação é do Brasil). Pra comprar enviando direto pra cá não tem isso? Funciona direitinho?

    Quando foi isso? Já tem tempo?! Muitos sites exigem billing address americano mesmo, mas não é o caso da Carters. Desde que MH nasceu (maio 2013) compro direto, com meu cartão de billing address brasileiro. Tanto pra entregar no Brasil quanto pra entregar nos Eua (qnd tem alguém da minha família lá, aproveito!), já fiz das duas formas várias vezes e foi tudo impecável!
    bjobjo




  8. Geisi Em 08/07/2014

    Amo demais esse blog, vc não tem noção ahahahahaha




  9. Beatriz Em 10/07/2014

    Ale,

    Tenho raiva de quem fala que não precisa comprar roupa RN. Eu comprei pouca coisa e minha filha nasceu com 2,8 kgs, ou seja, usei muiiiito até ela completar 3 meses! Quanto ao estoque de roupas, faço como você, quando fui para os EUA fazer o enxoval, comprei para o inicio de vida dela e agora vou adicionando novas peças, até porque preferi esperar para ela nascer para comprar aquilo que tem a cara dela. Ótimo post, como sempre!




  10. Juliana Em 11/07/2014

    Ótimo texto!! Compartilho com você e todas as outras mamães de onde tiraram que não precisa comprar roupa RN!!! O bebe fica tão desconfortável com aquelas roupas imensas….. Quanto aos kit saída de maternidade também e um exagero (ainda mais no meu caso que tive parto normal e fiquei 24 horas na maternidade) e ainda moro em Goiânia! Fui para São Paulo comprei todos os kit na D. tonetti um mais lindo que o outro, mas quase cozinhei meu filho!! Mas é muito difícil resistir à tanta beleza!
    Bjss




  11. Déborah Alvares Em 16/07/2014

    Respondendo (com certo atraso) sua pergunta, rs, tentei comprar em Março/14. Mas na época tentei também na Buy buy baby e agora penso que confundi essa questão do cartão! Deve ter acontecido na BBBaby e nem tentei na Carter´’s, porque fiquei esperando ver o que vinha na fatura (pois recebi sms falando da compra da BBBaby no meu CC – o que não foi efetivado). Vou tentar novamente!
    Obrigada, bjsss




  12. Ana Em 25/07/2014

    Gostei do post! 🙂 só uma curiosidade, seu marido exerce a odontologia?! Bjs!

    Oi Ana!
    Não! Há muitos anos, ele a trocou pela fotografia!
    bjobjo




  13. Ana Em 29/07/2014

    Fez bem…tb sou dentista…mas tá tao dificil viver de odonto nesse país 🙁

    Obrigada pela resposta! Adoro seu blog!
    bjos




  14. Ilana Medeiros Em 07/08/2014

    Acabo de entrar em desespero! Estou gravida de 22 semanas e caí no “golpe” de não comprar RN!!! Fiz enxoval em miami mês passado e trouxe apenas 2 conjuntos 3 peças, 2 macacões manga longa sem pezinhos, 2 macaquinhos curtos de manga curta, 2 bodies, 1 short e 1 calça de algodão!!! Será pouco? Não comprei quase nada manga longa porque moro no interior da Bahia e meu filho vai nascer em dezembro!




  15. Ester Em 01/01/2015

    Meninas, muito interessantes as dicas que deram aqui. Irei à Orlando daqui a duas semanas para o enxoval da minha bebê e já risquei vários itens da lista..RS
    Uma dúvida: qual seguro viagem para gestante vocês contrataram para ir aos EUA? Bj




  16. Ingrid Em 10/01/2015

    Querida, quando você faz pedidos na Carters para entregar no Brasil, chega direto na sua casa? Ou tem que pagar alguma taxa extra? Já fiz pedidos em sites de fora e sempre quando a mercadoria chega eu vou buscar nos correios e retiro mediante pagamento de taxa. A Cartrs é assim?

    A Carters segue aquele sistema que já mostra no carrinho final, antes do fechamento do pedido, o valor completo, com frete e impostos de importação já incluídos (os impostos realmente dobram o valor da peça). Na última tela, você vê e paga o valor total, com toda e qualquer taxa. Depois recebe direto na sua casa. Basta escolher na entrada do site (tem uma bandeirinha na parte superior direita) que está enviando para o Brasil.
    bjobjo




  17. ana Em 27/01/2015

    Boa tarde,

    Meu baby nasce a partir do dia 28/02 .. Só tenho dois macacão RN , vou comprar algumas peças que faltam da carters, primeira dúvida pego RN ou direto a 3m?

    Tem como colocar o link do site para compras direto do site.

    Obrigada

    Olá Ana, parabéns pelo bebê!
    O site da Carter’s é o –>> http://www.carters.com
    Sobre tamanhos, expus nesse post o que penso, acho importante ter peças em tamanho RN!
    bjo




  18. Alessandra Em 06/02/2015

    Amei…perfeito…super verdade tudo o que escreveu!!!
    já estou no meu segundo filho, mas adoraria ter lido tudo isso quando estava gravida do primeiro!kk
    bjus




  19. Laura Em 14/02/2015

    Olá, sou marinheira de primeira viagem, estou grávida de 18 semanas, esse post esclareceu muita coisa, mas
    ainda tenho muitas dúvidas, ficaria feliz se me ajudasse…rsrs
    Tipo, o que precisa ter no kit de higiene do bebê?
    E aquela cestinha bonitinha que ficam os produtos, onde eu compro?
    Li o comentário que falou que o bebê teve reação alérgica e ela tinha estoque de fraldas…
    Eu estou pensando em fazer chá de fraldas, mas nessa possibilidade de alergia você acha que vale à pena??
    A partir de quando eu devo começar a comprar as coisas do bebê? Porquê agora eu acho um pouquinho cedo…
    Acho que é muita coisa mas se puder responder vai me ajudar muito.
    Desde já agradeço 🙂

    Oi Laura! Vamos lá:
    O kit de higiene que fica ao lado do trocador tem garrafa térmica para água (nos primeiros meses só pode limpar com algodão embebido na água morna), potinho para a água, algodão, óleo de bebê (quando MH era recém-nascida eu usava o Nujol, que ajuda a limpar) e pomada para assaduras!
    A bandeja/cestinha tem em várias lojas, fiz um post sobre o meu kit aqui –>> http://alegarattoni.com.br/decor-de-bebe-meus-tres-cantinhos-favoritos-no-quarto-de-mh/
    Sobre a decisão das fraldas e do momento para comprar as coisas, é uma decisão super pessoal, vai de cada mamãe! Faça como se sentir melhor – se estiver ansiosa para começar a ver as coisas, comece; se for mais tranquila, pode esperar mais!
    Dá uma olhada nos posts da tag Enxoval Ideal –>> http://alegarattoni.com.br/tag/enxoval/
    bjobjo, espero ter ajudado (e parabéns pela gravidez, espero tê-la sempre por aqui acompanhando meus posts de gravidez e maternidade!)!




  20. Luciane Em 27/03/2015

    Achei sensacional o seu post, tipo levei um chacoalhão rs! Só um pequeno toque, a Laura do comentário acima perguntou sobre o chá de fraldas, é uma dúvida minha também. Super obrigada! Ah e estou de 17 semanas!




  21. Biaa Em 06/05/2015

    Olá lindona!
    Tbm sou mamãe de primeira viagem, estou com 20 semanas e muuuuuuuito ansiosa, querendo fazer tudo de uma vez só p a chegada da minha Bianca.
    Amei sua postagem, me ajudou muito em algumas dúvidas. Mas se puder me responder quantos macacões em média preciso tamanho RN, P e M agradeço muito. Bjos e bjos, fique com Deus! ♡♡♡♥




  22. Camila Em 08/05/2015

    Post super útil para o meu momento! A gente ouve tanta coisa, tantos “conselhos” que ficamos bem perdidas!




  23. Rafaela Em 28/05/2015

    Minha primeira filha nasceu com 47 centímetros e 3 kg, em 15 dias tive correr comprar roupinhas tamanho 1, pois a de recem nascidos não fervia mais no comprimento das mangas e pernas, o bebê chorava pq não conseguia esticar as pernas, acho que cada caso é um caso, estou grávida e minha bebê está prevista nascer com 3,500g e 50 centímetros, estou trocando toda roupa de recem nascido que ganho por tamanho 1, assim não jogo dinheiro fora.




  24. Joana Luiz Em 21/06/2015

    Ale,
    Muitas amigas e conhecidas em Portugal optam por, em vez de gastarem fortunas comprando todo o enxoval, pegar emprestado das amigas mais próximas as roupinhas que já não usam. Aí, quando deixa de servir, devolvem todas as roupinhas lavadas e organizadas.
    Há items que não dá, porque se usam muito, mas há vestidos, casaquinhos e mantinhas que se usam apenas meia duzia de vezes e dá pena gastar tanto dinheiro para tão pouco uso.
    Você comprou tudo?
    Beijo,
    Joana




  25. Fernanda Em 23/07/2015

    Amei as dicas! Super úteis para as mamães de primeira viagem.




  26. Carol Em 25/07/2015

    Eu comprei e ate levei RN para o hospital da minha primeira filha ,meu marido teve que correr para casa e pegar os p ! Minha filha nasceu com 4kls e 15 e 51 cm , usou RN somente uma semana , e só alguns que serviram outros nem couberam ! Então do meu segundo filho estou de 27 semanas , estou comprando p , m e g !
    Descartando RN !




  27. ledaiana Em 18/11/2015

    Aai menknas , complicado ne?!
    Olha amei o post! Estou de 25 semanas, semana q vem comprarei todas as coisas mas até aqui estava c 6 macacões P de marcas não muito pequenas minha amiga e irma vieram e perguntara….mas …cade os RN? Tem de ter e o post me incentivou a comprar pelo Menis uns 4 RN sim! E q tenho 2 a primeira q hj está c 12 anos nasceu pesando 3260 47 cm e o menino hj c 6, pesando 3810 e 49 imaginei q não usassem mas pelos comentários vejo q usam sim ne? Vou buscar..hoje dos q li comprei alguns bodyz lindos sendo 4 RN tbm!!!




  28. Anna Valente Em 16/01/2016

    Otimas dicas!! Achei o seu blog qdo dei um google pra saber se roupa RN era ou nao desnecessaria.. Comprei um conjuntinho de linha lindo pro meu bebê usar na marernidade.. E qdo vi que era RN pensei que tinha feito besteira!!! Ainda bem que nao!! As outras dicas tb mto boas,obrigada!




  29. Patricia Em 17/03/2016

    Adorei suas dicas … me ajudaram muito a respeito das roupas recém nascido … conteúdo ótimo pra mamães de primeira viagem !!! Parabéns




  30. isabelle Em 02/06/2016

    esse site da Carters é confiável mesmo achei tudo muito barato, queria saber se é confiável mesmo ??




  31. isabelle Em 02/06/2016

    não consigo entender nada desse site Carter’s pois sou brasileira e o site não esta na minha linguá não consigo mudar,pode me ajudar ??
    vou ter um bebe ainda nao sei o sexo e quero compra algumas coisas que tamanho de roupas devo compra? acho que pra recém nascido precisa mais de macacão de frio e de bori de manga longa e de calça com pé! estou certa ??




  32. Mariana Valença Em 08/06/2016

    Adorei o texto, pra mim que sonho TODOS os dias em ser mãe é realmente esclarecedor. Ótimo Artigo Ale, mandou muito bem 🙂
    Mariana




  33. Tamires Batista Em 26/07/2016

    Amei o texto! Me ajudou bastante principalmente sobre os tamanhos de roupas RN.
    Já tô perdida aqui e as pessoas ainda falam: Não compra fralda RN e roupas RN porque perde tudo.
    Ai que ferra tudo mesmo, fiquei mais perdida ainda!
    Fico pensando: Se compro e não uso nada e se não compro e preciso?
    Agora sei que preciso comprar rs
    Muito, muito obrigada!!




  34. Juliana Em 02/08/2016

    Pode usar um pagão pra saida da maternidade ou n ?




  35. Joseane Dantas Em 15/08/2016

    Estou grávida de 36 semanas comprei roupinhas RN pensando nos primeiros messes do meu Pedro, no entanto todos q vem dizem q fiz bobagem que vou perder tudo, Mas agora vejo q realmente é necessário as peças RN afinal ninguém merece ver seu príncipe dentro de roupas sobrando espaços.
    Esclarecedor adorei




  36. Marília Rodrigues Em 22/09/2016

    Estou grávida de 30 semanas do Théo! Mãe de primeira viagem tbm, por ter umas quantas dúvidas, saí aloka no google atrás de algumas respostas e acabei te encontrando! hahaha Estamos comprando ainda as coisas para o bebê e fico apreensiva pelos tamanhos RN ou P, e a quantidade de roupinhas, já que meu bebê vai nascer no verão e aqui faz muito calor… Mas uma das coisas que aprendi é que o bebê tem a mesma temperatura da mãe e que nós devemos seguir nossos instintos! Amei as dicas! Muito obrigada!:*




  37. Cristina Sardi Em 09/01/2017

    Olá. Tenho uma filha de 14 anos e agora estou gravida…vou confessar que estou beeeem pior que na 1ª gravidez. A gente esquece tudo e fica muito mais exagerada. Gente ha 15 anos atras e no interiorrrr kkkk eu nem tinha internet pra ficar pesquisando tantas novidades. Obrigada pelo post super útil!!




  38. Paloma Gilli Em 15/02/2017

    Olá… Sou mãe de primeira viagem e pesquisei bastante antes de fazer o enxoval do meu pequeno que está pra chegar (36 semanas).

    Meu bebê vai nascer no começo de março, sendo assim, vai pegar um pouco de calor e em pouco tempo, o frio de maio em diante. Tenho roupinhas RN e P para frio e calor em ambos os casos, mas estou com receio de que tenho poucas peças de cada tamanho.

    Qual a quantidade que você, particularmente, considera ideal de cada roupinha pra esse começo da vida 2 meses de calor e pro frio até uns 6 meses? Exemplo: Macacões, Bodys manga longa e curta e mijões.

    Super beijo… amei o blog 😉




  39. Keylla Em 06/05/2017

    Adorei a matéria!!




Deixe seu Comentário