ALE GARATTONI

Carioca em SP, leonina, mãe da MH. Este blog é o meu hobby-recreio e aqui você vai ler posts que agradam aos olhos, à mente, à energia. Com beleza, suspiros e leveza! Cuide de sua alma e inspire-se, para ser & fazer melhor.

Lifestyle

Inve$tir em beauté? Atenção às marcas japonesas

31 de Janeiro de 2012

Em um dos capítulos do meu livro, falo sobre o famoso CPU (custo por uso). Na versão impressa do It, o conceito – que define o valor da peça baseado no número de vezes que vamos usá-la – aborda especificamente itens de moda. Mas, com a mesma fórmula e a mesma ideia, podemos levá-lo para nossas listas de compras de maquiagens e produtos de beleza.

Na maioria das vezes, mais vale investir em um único item mais caro de qualidade comprovadamente superior e que nos traga resultados inquestionáveis do que colecionar um monte de similares que jamais serão usados até o fim – e que, por isso, vão acabar no lixo por validade expirada. Claro que isso varia caso a casa, produto a produto, pessoa a pessoa (lembra desse post sobre os hits de beauté?!).

Toda essa introdução é pra justificar que as marcas japonesas de beleza merecem, sim, nossa atenção máxima: os produtos são caros, os pontos de venda são limitados, mas, depois de alguns testes, é possível descobrir maravilhas sem as quais não vamos mais viver! Minhas duas novas queridinhas atendem pelo nome de KohGenDo e SK-II. A primeira descobri no IntoTheGloss, que indicava a base Aqua Foundation como leve, sutil e com cobertura perfeita. Virou minha favorita para todas as horas. Da mesma marca, o demaquilante Cleansing Spa Water é o novo hit entre as americanas. Lembra o famoso Bioderma Créaline, mas é ainda mais levinho e remove ainda melhor o make. Valeu o investimento.

Mas o milagre do ano na minha prateleira de beleza é a Facial Treatment Essence, da SK-II. Não pensava em comprar mais absolutamente nada quando estava olhando o balcão da marca em uma loja de departamentos e uma vendedora muito simpática se aproximou. Sem me empurrar nada, ela se limitou a me apresentar a linha e… demonstrou na minha mão o efeito da tal aguinha milagrosa, carro-chefe da coleção. Quando comparei uma mão à outra, saquei o cartão de crédito da carteira NA HORA. É impressionante.

A essência elimina marcas de ressecamento, manchinhas de sol, de acne. Tem que ser usada diariamente antes de hidratar o rosto e os primeiros resultados já são visíveis desde o comecinho do tratamento. Como abusei do sol por anos e anos (#EuEraCarioca!), essa é a fórmula para tentar correr atrás do prejuízo. Juro, é um milagre (ao menos pra mim tem sido!). Se tiver viagem marcada, peça uma demonstração. Custou caro, mas meu único arrependimento foi ter comprado o vidrinho médio em vez do grande!

Marcas japonesas

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

O resultado da vida métrica de Ju Ferraz

27 de Janeiro de 2012

Na última semana da 1ª fase do ItGirls, em agosto de 2010, uma história inspirou muitas das leitoras que passavam por aqui: o post – que você relê nesse link – mostrava Ju Ferraz, que resolveu registrar no então recém-inaugurado Vida Métrica sua luta contra a balança. Quase um ano e meio depois, é delicioso acompanhar o resultado desse projeto e o passo-a-passo de seu diário virtual. Como o próprio primeiro post do It sobre a história disse, Ju já era, naqueles tempos, inspiradora, linda, vaidosa e vencedora. Mas ao vê-la hoje, no fim da batalha e com muitas metas cumpridas, é impossível não pedir para que ela divida dicas com quem pretende encarar um desafio semelhante, baseado na saúde e no respeito ao próprio corpo e aos próprios limites…

Ju Ferraz

O MOMENTO MAIS DIFÍCIL
“Quando as leitoras do blog perceberam que eu não estava segurando a dieta e quase desacreditaram de mim. Isso foi muito grave porque a minha credibilidade tinha ficado em jogo. Daí me perguntei: o quero para minha vida?! Que caminho quero seguir? Quando entendi, me senti feliz e vitoriosa – mesmo ainda muito longe do resultado.”

O PAPEL DO VIDA MÉTRICA
“Sempre tive apoio de muitas leitoras. Com a página, tirava forças, desabafava, chorava. O Vida Métrica foi e é meu grande amigo. Um estímulo, um compromisso para seguir em frente.”

PONTOS DE PARTIDA
“Aprendi nesse tempo que é preciso ter foco e determinação para chegar em qualquer lugar. Sem isso, ficamos parados e frustados pensando ‘e se…’. É preciso fazer acontecer.”

Ju Ferraz

DICA VALIOSA
“Saia da zona de conforto. Se questione, se provoque.”

ANJOS DA GUARDA
“Além do personal Carlos Klein e da dra. Cris Coelho – nutróloga que tem um espaço e faz tratamentos com aparelhos estéticos –, aprendi na clínica de obesidade Ravenna (*) que emagrecer com saúde é possível. Lá, trabalhamos a mudança de hábito e, além da dieta, temos pessoas vivendo os mesmos problemas. Você passa por nutricionista, clínico, preparador físico e, o principal, o grupo em si. Mas, que fique claro, é preciso muito método e foco.”
(*) nota ItGirls: vou tentar uma materinha sobre a clínica em breve, o que acham?!

E QUEM NÃO PODE CONTAR COM ESSE APOIO PROFISSIONAL?
“Preciso deixar claro que mais importante do que qualquer coisa é a forca de vontade interna. O compromisso com nós mesmos!”

Acessórios Ju Ferraz

FOTOS: RODRIGO ZORZI

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…

Lifestyle

Etiqueta (fashionista) em tempos de SPFW

21 de Janeiro de 2012

Se você é um jornalista bem sucedido, um fashionista de destaque ou uma blogueira consagrada, já conhece a regra das temporadas de moda em tempos de fama potencializada pela internet: o número de veículos cresceu MUITO e, com isso, cresce também o número de câmeras, microfones, bloquinhos e rostos ávidos por uma foto, um oi, uma entrevista, um minuto do seu preciso tempo. Sim, porque todos sabem que quem está na Bienal a trabalho corre muito contra o relógio (e, claro, é o outro lado da etiqueta respeitar isso).

Mas, a menos que você tenha 15 segundos para chegar numa sala de desfile ou uma equipe de filmagem te puxando para um vídeo imediato, NADA justifica negar parar para alguém – seja esse alguém um fã, um jornalista ou um transeunte qualquer que pergunta onde fica a sala 1. E, ainda que a situação seja essa, perca DOIS segundos do seu concorrido tempo explicando por que não vai conseguir parar naquele segundo. De preferência com um enorme sorriso de “sinto muito” no rosto. Dizer apenas “não”, ainda que você esteja num mau dia ou ainda que aquela seja a 22ª pessoa a te parar na última hora, é muito, muito rude. E imperdoável.

Só falar com quem você conhece não te torna uma pessoa gentil. Só dar entrevista para um microfone com a bolinha da Globo não te faz uma pessoa educada. E, se o discurso da educação e gentileza não for suficiente, é sempre bom lembrar: quem faz crescer o número de pageviews de seu blog/site, a venda de seus livros, a audiência de suas palestras e a popularidade de suas matérias na revista X não é seu grupo de amigos! Seu trabalho e seu sucesso no que faz dependem dessas pessoas que te pararam porque te admiram. Fashionista com algum destaque vira uma espécie de global estrela da novela das nove durante uma semana de moda. Se não gosta desse lado da profissão, encare como ossos do ofício. E seja gentil!

Costanza
Costanza Pascolato: a mais elegante há muitas temporadas!

VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DE LER…